Spam: como lidar com mensagens indesejadas na caixa de e-mail

2 min de leitura
Imagem de: Spam: como lidar com mensagens indesejadas na caixa de e-mail
Imagem: Pexels
Avatar do autor

Que atire a primeira pedra quem nunca foi alvo de spamna caixa de e-mails. Seja por propagandas indesejadas, promoções de produtos e serviços que nunca ouviu falar ou golpes, spam é um dos problemas mais comuns para internautas atualmente.

O botão de “cancelar inscrição” pode parecer tentador, prometendo livrar você da mira daquele fluxo de mensagens, mas você sabia que interagir com spam e links fornecidos por ele pode gerar ainda mais problemas?

A lição básica de não acessar links fornecidos por e-mails vale — e muito — neste caso. O endereço fornecido no botão de cancelar inscrição pode, de fato, levar o usuário para um site malicioso, numa tentativa de te convidar a evitar as mensagens e te gerar outra bola de neve de problemas.

Além do risco de te levar para endereços indesejados, fornecer seu e-mail para cancelar o envio de mensagens pode fazer justamente o contrário: o banco de dados do remetente do spam pode levar seu endereço para outros fluxos de mensagem e deixar a situação ainda pior. Ao clicar no link e tentar cancelar o envio de mensagens, o spammer detecta que sua conta está ativa e esse sinal reitera que você é um alvo para futuros e-mails indesejados.

a  Pixabay 

E qual a solução para o spam?

Se sua situação não estiver feia, a solução é continuar a ignorá-los. Simplesmente não interaja de maneira alguma com essas mensagens. Considerando que o serviço de hospedagem que cuida das suas mensagens (Gmail, Outlook etc.)está encaminhando os e-mails indesejados para a caixa de spam devidamente, lembre-se apenas de excluí-los eventualmente para não deixar a caixa lotada. Os recursos de bloqueios de remetentes e outras opções específicas de alguns serviços podem te ajudar na tarefa de evitar essas mensagens.

Contudo, se sua situação estiver grave, é válido considerar a criação de outro endereço de e-mail. Se não for possível, tire um tempo para lidar com a situ  ação, procurar por ferramenta do seu serviço de hospedagem e sinalizar os spam que não estão sendo enviados para a seção dedicada para não dar de cara com eles na caixa de entrada.

Como evitar o spam?

As dicas para não virar alvo desses remetentes maliciosos não são incomuns: pense bem no momento que cadastrar seu e-mail em alguma nova plataforma; certifique-se de não deixar seu e-mail em sites públicos; tenha endereços alternativos e opte por não receber mensagens e promoções de lojas em que cadastra.

Fora isso, logicamente, o cuidado com seus hábitos na internet é importante. Links maliciosos e um computador infectado com adwares pode ser a causa do spam — que pode ser até invisível para o serviço de hospedagem. Sendo assim, ter um bom antivírus pode minimizar seu risco.