Xiaomi: usuário transforma sensor de impressão digital em câmera

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi: usuário transforma sensor de impressão digital em câmera
Imagem: Lu Weibing/Weibo
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

O dono de um Xiaomi Mi 9T conseguiu transformar o sensor de impressão digital do celular em uma câmera funcional. Conforme esperado, a qualidade da imagem obtida é péssima, mas não deixa de chamar atenção pela facilidade de acesso ao sensor.

Apesar de parecer um hack muito avançado, o segredo por trás disso é relativamente simples: sensores ópticos são, basicamente, câmeras que escaneiam sua impressão digital. Diferente dos sensores ultrassônicos mais avançados, que criam um mapa 3D da digital, a versão óptica apenas usa essa câmera (sensor) que fica embaixo da tela para capturar a imagem da digital e comparar com a versão cadastrada pelo usuário.

Essa câmera tem resolução extremamente baixa, pois precisa apenas projetar a luz para iluminar o dedo e realizar o registro da digital. Devido ao custo mais baixo, esse tipo de solução é facilmente encontrado em smartphones intermediários e até mesmo de entrada.

Sensor digital

No entanto, a demonstração realizada pelo usuário do Mi 9T levanta uma questão importante de segurança. Conforme demonstrado no Reddit, é possível acessar o feed de imagens do sensor de impressão digital no dispositivo com a ajuda de um aplicativo simples, que dá acesso às atividades ocultas nos dispositivos.

Isso significa que pessoas mal-intencionadas podem acessar as imagens das impressões digitais do usuário para desbloquear o aparelho e até mesmo acessar aplicativos que exigem o uso da biometria para login, como apps de banco.

A Xiaomi ainda não se manifestou a respeito do caso.

Fontes

Xiaomi: usuário transforma sensor de impressão digital em câmera