Firefox ganha página que mostra dados coletados pelo navegador

1 min de leitura
Imagem de: Firefox ganha página que mostra dados coletados pelo navegador
Avatar do autor

Mozilla continua investindo em transparência para ganhar novos usuários e anunciou recentemente uma página para o Firefox que exibe os dados de telemetria, que são informações básicas e técnicas coletadas pelos desenvolvedores para aprimorar a experiência de uso do navegador. A novidade pode ser acessada na barra de pesquisa do browser por meio do endereço about:telemetry.

Ao acessar a página, o usuário pode visualizar diversas informações técnicas que são coletadas pelo navegador, incluindo configurações do browser, add-ons instalados, detalhes sobre o hardware e também do sistema operacional do computador. De acordo com a Mozilla, a ideia de criar uma central para exibir os detalhes para o usuário veio de desenvolvedores, que utilizavam uma interface similar para trabalhar em aprimoramentos para o programa.

(Fonte: Mozilla/Divulgação)

Além da página já estar praticamente pronta por ser usada internamente, o lançamento da novidade está ligado ao posicionamento atual da Mozilla no mercado. Para surrupiar novos usuários de gigantes como Google Chrome, a companhia tem investido pesado na transparência e também em ferramentas de privacidade para o Firefox.

Como desativar o envio de dados de telemetria

Desde o início do ano, a companhia começou a permitir que os usuários excluam e impeçam a coleta de dados de telemetria. Enquanto o processo serve para a evolução do navegador, os usuários que não querem compartilhar suas informações podem desativar o envio acessando o menu hambúrguer (os tracinhos no canto superior direito). Em seguida, basta entrar em "Opções", ir até a "Privacidade e Segurança" e desmarcar os itens em "Coleta e uso de dados pelo Firefox".

(Fonte: Mozilla/Divulgação)

Após o usuário solicitar que seus dados não sejam mais enviados para a telemetria, a Mozilla encerra a coleta imediatamente e também exclui, em até 30 dias, as informações do sistema armazenadas nos servidores da companhia.

Firefox ganha página que mostra dados coletados pelo navegador