Os Estados Unidos já baniram a chinesa Huawei de solo estadunidense com a alegação de espionagem. Agora, autoridades norte-americanas estão aconselhando autoridades brasileiras a “tomarem cuidado” com a empresa no Brasil, afirma a Reuters.

No Brasil, a Huawei desempenha um papel importante no que toca a telecomunicações, com redes de internet, cabos, centros de dados e tecnologias de dados móveis, por exemplo. Porém, os EUA garantem que o 5G desenvolvido pela Huawei será usado para “espionar o Ocidente”.

A China nega todas as acusações feitas pelos EUA

Segundo a Reuters, autoridades brasileiras foram alertadas durante a visita do presidente Jair Bolsonaro aos EUA. “Eles tiveram toda uma série de diferentes reuniões aqui onde ouviram de nossos especialistas em segurança, questões de inteligência e outras áreas para entender as consequências dessas redes e o quão francamente perigosas, e como elas podem minar sua segurança internamente”, disse a autoridade a repórteres sob condição de anonimato.

Outra fonte anônima, contudo, garantiu que o Brasil não pensa em impedir o trabalho da Huawei em território nacional nem pretende ficar no meio dessa disputa entre EUA e China.

O presidente Bolsonaro e sua equipe estão nos EUA para conquistar apoio para o ingresso do Brasil na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Além disso, Bolsonaro cancelou a exigência de visto para norte-americanos entrarem no país. Caso os EUA peçam uma atitude do Brasil quanto ao caso da Huawei, qual será a posição tomada? Deixe sua opinião nos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: