Um garoto chamado Grant Thompson, dos Estados Unidos, descobriu uma falha no FaceTime da Apple que permitia ouvir outros iPhones e iPads sem a autorização dos usuários. Infelizmente, a Apple não respondeu ao garoto, então a notícia acabou saindo nos jornais e a Maçã teve que tirar o FaceTime do ar por um tempo para fazer a correção.

A Apple costuma pagar entre US$ 25 mil e US$ 200 mil para exploits encontrados em seus sistemas

Agora, depois de todo o problema ter acontecido, um “executivo de alto nível” da Apple se encontrou com Thompson. Segundo a CNBC, a conversa foi sobre melhorias no processo de reports ao programa de bug bounty da Apple, além de Thompson ganhar uma recompensa pela descoberta — mesmo que ele não tenha tido tempo de preencher a papelada do programa de bug bounty.

Não se sabe em qual categoria entrará o pagamento do garoto. Hoje, o sistema de bug bounty da Apple funciona via convites e possui apenas cinco categorias de vulnerabilidades. Vale notar que a Apple costuma pagar entre US$ 25 mil e US$ 200 mil para exploits encontrados em seus sistemas.

Cupons de desconto TecMundo: