A internet, sem sombra de dúvida, facilita muito a nossa vida, pois é possível fazer praticamente tudo através dela. Compras, bater papo, ler notícias, manter contatos, acessar seu banco, mandar, emails, jogar, aprender, se divertir, viajar, se relacionar, trabalhar e muito mais é possível por causa da nossa querida rede mundial. É claro que a web oferece muitas facilidades, porém “nem tudo são flores” e ao mesmo tempo em que há coisas boas, coisas ruins também são comuns.

A lista de problemas que encontramos na internet e que podem nos prejudicar é extensa e vai desde os populares vírus e roubo de senhas até pirataria e desrespeito aos direitos autorais. A Lei que regulamenta e defende os direitos autorais é a de número 9.610 e foi aprovada no dia 19 de fevereiro de 1998 (para mais informações clique aqui), porém é na rede que vemos mais casos de desrespeito à Constituição brasileira.

Cuidado com sua imagem!

Como a internet não possui fronteiras, é cada vez mais difícil manter nossas criações protegidas contra a pirataria virtual, mas hoje você vai aprender alguns macetes para não ver seu trabalho ou sua criação sendo usada sem sua autorização. O foco deste artigo é a proteção de suas imagens que, a cada dia, ganham mais destaque em sites de relacionamentos, busO Baixaki se previne.cas de empregos ou divulgação da sua profissão.

Com marca d’água não dá

A primeira medida que você pode tomar para proteger suas imagens é a inserção de uma marca d’água sobre ela. Mesmo esta sendo uma atitude, até certo ponto, radical, com certeza você vai poder proteger seu conteúdo.

Alguns programas podem ajudar a você inserir estas marcas nas suas fotos, aí vão algumas opções: Photo Watermark, Merge, Aoao Photo Editor, Image Converter One ou Photowham . A vantagem desta estratégia é que nem o famoso “PrintScreen” pode contornar a situação.

Proteção online

Sites de relacionamentos ou compartilhamento de imagens como o Orkut ou Flickr, oferecem opções de proteção de conteúdo das imagens. Ativando estas opções você pode ficar um pouco mais tranquilo, pois apenas pessoas de sua confiança podem ter acesso às suas imagens.

Para realizar a proteção das suas fotografias no Orkut, em primeiro lugar, vá até a opção “Fotos” e edite a opção de compartilhamento, para isso, basta clicar em “alterar” para que uma janela como esta seja aberta.

Orkut a seu favor.Em seguida, dê um duplo clique no quadro “Escolher amigos” e defina se todos do Orkut podem acessar seus álbuns ou apenas seus amigos. Também é possível cadastrar emails de pessoas que não possuem conta no serviço, desta forma elas podem acessar seu álbum através de um link, porém este link pode ser repassado para qualquer pessoa.

Quem usa o Flickr pode restringir suas imagens já na hora do upload. Na área “Definir a privacidade” é possível delimitar as pessoas que possuem acesso aos seus álbuns. Também é possível restringir o download de suas fotos, se você quiser ativar esta opção vá até “Minhas coisas/ Conta/Privacidade e permissões e edite a opção “Quem pode fazer download das suas coisas”.

Flickr protege.
Ninguém baixa.












Vale lembrar que para profissionais que usam as redes pessoais como fonte de divulgação, este método não é muito interessante, mas se mesmo assim você quiser se proteger, estas são duas boas opções.

Mínimo de visibilidade

Quem acha que os métodos citados acima são muito radicais ou podem fazer que a imagem perca seus encantos, pode usar um método menos agressivo, mas que garante pelo menos a redução das possibilidades de uso das suas imagens. Redimensionar suas imagens e deixá-las com tamanhos bem reduzidos, pode ajudar a evitar que pessoas as usem para impressões em grande qualidade ou outros tipos de projetos, por exemplo.

Muitos programas de edição de imagens possibilitam o redimensionamento de figuras rapidamente, mas se você preferir pode usar uma boa opção que acompanha o pacote Office: Microsoft Office Picture Manager. Com ele é possível determinar o nível de compressão das imagens através de modelos, como: imagens para documentos, páginas da web ou emails.

Como achar o programa.

Há centenas de outras opções de aplicativos que redimensionam suas imagens de forma rápida e fácil. Consulte a categoria “Redimensionador de imagens” para conferir todas as alternativas.

Vale a pena?

Foto roubada é crime.É claro que se você utilizar todas estas dicas e mais tudo o que sabe sobre segurança de imagens, ainda não será suficiente para que você proteja 100% suas fotografias.

A internet ao mesmo tempo que oferece um enorme leque de opções para divulgar seu trabalho ou dom, também oferece muitas ferramentas para que espertinhos ou aproveitadores tirem vantagem do seu trabalho.

Contra isso, ainda não temos como lutar, mas se você seguir estes passos, as possibilidades de ver seu lindo rostinho publicado em sites sem sua autorização podem ser radicalmente reduzidas.

Cupons de desconto TecMundo: