O FBI dos Estados Unidos soltou um alerta sobre um novo golpe contra caixas eletrônicos: cibercriminosos burlam as medidas de segurança dos caixas eletrônicas para obter muito dinheiro.

Vale notar que o golpe não é novo: o TecMundo  noticiou sobre a modalidade em janeiro deste ano. Em vez de roubar dados bancários de cidadãos via skimmer (também conhecido como chupa-cabra no Brasil), neste golpe é realizado um hack diretamente no caixa eletrônico, que expele notas de dinheiro conforme o comando.

A nova técnica de hackear caixas eletrônicos se chama "Jackpotting"

“O FBI obteve relatórios indicando que cibercriminosos estão planejando realizar um esquema global de saque em ATM’s (Automatic Automated Teller Machine) nos próximos dias, provavelmente associado a uma violação de emissor de cartão desconhecido e comumente referida como uma operação ilimitada”, disse o FBI

A nova técnica de hackear caixas eletrônicos se chama "Jackpotting" e ela funciona da seguinte maneira: um criminoso realiza um acesso físico à máquina (computador dentro do caixa) e substitui o disco rígido. Dessa maneira, por meio de um endoscópio industrial, ele encontra e pressiona um botão dentro da caixa que faz um reset no sistema. Com acesso ao sistema, um software malicioso é instalado e, a partir deste ponto, comandos para o caixa expelir dinheiro são realizados.

“Os cibercriminosos geralmente criam cópias fraudulentas de cartões legítimos enviando dados de cartões roubados para conspiradores que imprimem os dados em cartões de tarja magnética reutilizáveis, como cartões-presente comprados em lojas de varejo. Em um tempo pré-determinado, os co-conspiradores retiram os fundos da conta dos caixas eletrônicos usando esses cartões”, disse o FBI.

Cupons de desconto TecMundo: