O pornô de vingança é crime e, mesmo assim, a prática ainda é comum na internet. O Facebook, a maior rede social do mundo que topa com esse tipo de ação, está testando um novo sistema com tecnologia de reconhecimento de imagem para localizar fotos pornográficas e apagá-las da rede social de maneira automática. Porém, para isso, você precisa enviar os seus "nudes" ao Facebook.

Esse programa ainda é piloto e está acontecendo na Austrália. Por lá, o Facebook fechou uma parceria com um órgão governamental chamado eSafety Comissioner, encabeçado por Julie Inman Grant. Caso você não saiba, pornô de vingança é "o ato de expor publicamente, na internet, fotos ou vídeos íntimos de terceiros, sem o consentimento dos mesmos, mesmo que estes tenham se deixado filmar ou fotografar no âmbito privado".

O Facebook também comenta que não vai armazenar os "nudes" por muito tempo

A premissa é básica: se você está preocupado que suas fotos privadas caiam na internet, você pode enviá-las ao Facebook. Dessa maneira, a rede social será capaz de identificá-las na rede — caso elas sejam divulgadas por terceiros.

O Facebook também comenta que não vai armazenar os "nudes" por muito tempo, apenas o necessário para que as tecnologias de inteligência artificial possam realizar o trabalho. "Como parte de nossos esforços contínuos em detectar de maneira melhor e remover conteúdo que viola nosso padrão de comunidade, nós estamos usando essa tecnologia de combinação de imagens para prevenir que imagens íntimas não-consensuais sejam compartilhadas no Facebook", comentou Julie Inman Grant.

  • O que você acha dessa estratégia? É um bom passo? Deixe sua opinião nos comentários

Cupons de desconto TecMundo: