(Fonte da imagem: Reprodução/Alamy em Daily Mail)

O Google usa algoritmos extremamente complexos para rastrear e organizar bilhões de páginas na internet. Pesquisadores da Dresden University of Technology, na Alemanha, estudam usar o código que constitui o “PageRank” do buscador para “escanear” o corpo humano e encontrar biomarcadores que podem revelar informações importantes de como o câncer se propaga.

De acordo com o Daily Mail, os cientistas têm a esperança que o método possa rapidamente ajudá-los a identificar as proteínas que avaliam o quão agressivo um tumor pode ser, auxiliando os médicos a decidir qual o tratamento mais adequado para cada caso.

Os biomarcadores em estudo são moléculas produzidas por células cancerosas e podem detectar a presença da doença nos fluídos corporais ou tecidos obtidos por meio de biópsias. Contudo, o trabalho dos pesquisadores não será nada fácil, pois eles precisam classificar mais de 20 mil proteínas do corpo humano e descobrir a sua relevância genética para a progressão do câncer – o que deve exigir muito tempo até que todas as variações da enfermidade sejam mapeadas.

Fonte: Daily Mail

Cupons de desconto TecMundo: