(Fonte da imagem: Reprodução/SlashGear)

A longa batalha legal travada entre a Samsung e a Apple nos tribunais continua responsável pela produção de debates interessantes. Na última terça-feira (22), a juíza Lucy Koh julgou inválida uma patente relacionada à sincronia de arquivos multimídia que a companhia sul-coreana pretendia usar como evidência contra sua rival.

A magistrada também deu favor favorável à empresa da Maçã, afirmando que dispositivos Android produzidos pela Samsung infringem um registro relacionado a recomendações de palavras — o famoso recurso autocompletar. Segundo Koh, a violação foi tão óbvia que o júri do caso sequer precisa avaliar as justificativas da corporação acusada.

Assim, no estado atual, a batalha legal segue discutindo a validade de outras quatro patentes da Apple que teriam sido violadas pela competidora. Já a organização responsável pela linha de smartphones Galaxy usa a seu favor quatro registros feitos por ela que supostamente foram copiados pela empresa comandada por Tim Cook.

Na prática, a decisão faz com que a Samsung perca 20% de suas chances de sair vitoriosa da disputa. Caso o conflito não seja resolvido fora dos tribunais pela duas companhias, a próxima etapa dessa batalha legal dispendiosa deve ser iniciada no dia 31 de março deste ano.

Cupons de desconto TecMundo: