(Fonte da imagem: Reprodução/Pocketnow)

Se você tinha planos de adquirir um dos Galaxy Round, o futuro aparelho com tela curvada da Samsung, talvez seja bom começar a considerar outras opções. De acordo com fontes do SamMobile de dentro da empresa, o primeiro smartphone de tela flexível do mundo será produzido e comercializado em quantidades bastante limitadas, mesmo dentro da Coréia do Sul.

Aparentemente, o dispositivo servirá apenas como protótipo para testar o funcionamento e o recebimento pelo público das telas OLED curvadas. Gadgets similares, como o SCH-W850 e o Samsung Galaxy S II HD LTE também foram produzidos em quantidades limitadas, pois o objetivo por trás dos aparelhos era justamente testar os displays AMOLED e HD AMOLED, respectivamente.

A notícia oferece uma explicação razoável para o elevado preço divulgado no anúncio do aparelho (aproximadamente US$ 1 mil – o equivalente a cerca de R$ 2.163) e pode significar que a Samsung não pretende lançá-lo fora de seu país natal. Não que isso seja algo extremamente desapontador, já que as únicas diferenças entre o Galaxy Round e um Note 3 são a tela curva e a ausência da S-Pen. 

Cupons de desconto TecMundo: