Pulseiras inteligentes se transformaram em acompanhantes perfeitas para a prática esportiva. Seja para amadores ou até mesmo profissionais, é possível tirar proveito das métricas oferecidas por esse tipo de dispositivo.

A Samsung é uma das empresas que está apostando pesado nesse segmento. A nova sport band da empresa chegou muito melhor que sua antecessora, o que mostra comprometimento com o público. O Gear Fit 2 é uma bela evolução quando comparado ao modelo lançado lá em 2014, trazendo agora GPS integrado e uma série de recursos novos.

Confira agora o que achamos dessa pulseira inteligente especialmente desenvolvida para os praticantes de esportes.

A sport band Samsung Gear Fit 2 foi gentilmente cedida por empréstimo pela Samsung para a realização desta análise.

Especificações técnicas do Samsung Gear Fit 2

Especificações técnicas

  • Sistema operacional: Tizen OS
  • Tela: Super AMOLED curva de 1,5 polegadas (38,6 mm)
  • Resolução de tela: 432x216 pixels
  • Profundidade de cor: 16 M
  • Processador: dual-core de 1 GB
  • Memória RAM: 0,5 GB
  • Armazenamento interno: 4 GB (2 GB disponível)
  • Bateria: 200 mAh
  • Altura: 51,2 mm
  • Largura: 24,5 mm
  • Peso: 30 gramas
  • Sensores: acelerômetro, barômetro, giroscópio e sensor de batimentos cardíacos
  • Conectividade: GPS (GLONASS)m WiFi 802.11 b/g/n 2.4 GHz, Bluetooth 4.2
  • Cores disponíveis: preto, azul e rosa

Design

A segunda geração da Gear Fit lembra bastante o primeiro modelo da Samsung. Ainda temos uma pulseira bastante discreta que em nada se assemelha a alguns smartwatches que vemos por aí. De todos os modelos que já testamos, o Gear Fit 2 com certeza é um dos mais confortáveis.

O conjunto é bastante leve – apenas 30 gramas – e possui dois botões na parte lateral que fazem a função de voltar e Home na interface do aparelho. Porém, embora tenha a certificação IP68, a Samsung não recomenda molhar completamente o Gear Fit 2. Esse é um problema grave se levarmos em conta que essa pulseira deveria acompanhar o atleta em qualquer atividade.

Pulseira inteligente Samsung Gear Fit 2

Funcionamento

Quando chegou ao mercado, uma das falhas do Gear Fit era a falta de compatibilidade. A segunda geração corrigiu isso abrindo o leque para uma grande variedade de smartphones. O Gear Fit 2 é compatível com aparelhos com Android 4.4 e no mínimo 1,5 GB de RAM, mas ainda não aceita a sincronização com modelos da Apple.

Para funcionar, é preciso instalar o aplicativo Samsung Gear, que é a interface que conecta o seu smartphone à pulseira esportiva. Através do app, é possível ter acesso a todas as configurações, além do envio de arquivos de áudio para o Gear Fit 2 e seus 4 GB de memória interna.

A sincronização é rápida e é possível acompanhar o registro de atividades pela própria pulseira. Mas para uma visão mais completa, é preciso instalar o S Health, da própria Samsung. O Gear Fit 2 funciona muito bem no acompanhamento de esportes, além de abranger uma grande variedade atividades. Não tivemos problemas com os sensores, que funcionaram muito bem em nossos testes e registraram com precisão várias métricas.

Pulseira inteligente Samsung Gear Fit 2

Desempenho

Como já dissemos, o Gear Fit 2 é um ótimo acompanhante para a prática esportiva. A pulseira é capaz de contar passos, calorias gastas, medir a frequência cardíaca, a distância percorrida e muito mais. Além de obviamente mostrar as horas, a sport band tem um cronômetro e temporizador.

O Gear Fit 2 possui um hardware competente – processador dual-core de 1 GHz e 0,5 GB de RAM – e capaz de dar conta das atividades propostas com tranquilidade, sem engasgos ou travamentos. O destaque vai para presença de um sistema de GPS integrado, o que torna o Gear Fit 2 mais independente do smartphone.

Pulseira inteligente Samsung Gear Fit 2

Depois de uma atividade, a pulseira exibe um registro completo da prática esportiva, mostrando até mesmo o caminho percorrido. O Gear Fit 2 ainda tem a função de receber notificações do smartphone, mas não é a sua proposta oferecer mecanismos complexos de interação com essas mensagens.

Com relação à interface, a insistência no Tizen não merece ser elogiada. O sistema operacional infelizmente não consegue conversar com os apps da mesma forma que o Android Wear, limitando as funcionalidades do Gear Fit 2.

Bateria

Considerando uma sport band especialmente desenvolvida para prática esportiva, esperávamos um pouco mais do Gear Fit 2. Durante nossos testes, o dispositivo foi capaz de aguentar pouco mais de um dia e meio de uso, o que inclui o registro de algumas atividades e conexão durante 100% do tempo com o smartphone.

Pulseira inteligente Samsung Gear Fit 2

Levando em conta que essa pulseira tem um carregador proprietário, o melhor mesmo é abastecer o Gear Fit 2 ao final de cada dia. Essa é a principal falha desse dispositivo, que deveria acompanhar o usuário por pelo menos dois dias. É frustrante ter que lembrar de tirar o Gear Fit 2 todo dia por causa da bateria.

Vale a pena?

Por preços que variam entre 1,1 mil e 1,3 mil reais, o Gear Fit 2 com certeza é uma das melhores sport bands que há no mercado. O dispositivo se destaca por oferecer o registro de uma grande variedade de atividades, oferecendo ainda uma séries de dados extras.

  • Preço médio: entre R$ 1,1 mil e R$ 1,3 mi

Isso é ideal tanto para os esportistas amadores quanto para aqueles que levam a sério a prática de alguma atividade. A bateria é realmente um inconveniente, mas que pode ser contornado com uso sábio das funções do Fit 2. Se você gosta de gosta de acompanhar métricas de seus exercícios e tem essa grana sobrando, essa pulseira inteligente com certeza é uma boa aquisição.

Na análise do Gear Fit 2, utilizamos o Galaxy S6 para conectar à pulseira inteligente.

Cupons de desconto TecMundo: