Embora o Galaxy S8 e seu irmão maior – o Galaxy S8+ – só cheguem oficialmente às lojas internacionais nessa próxima sexta-feira (21), alguns usuários sul-coreanos já conseguiram colocar as mãos no gadget. Se, na maioria dos casos, receber o celular mais avançado do mundo antecipadamente é motivo para comemoração, desta vez o sentimento despertado foi de preocupação. Por quê? Basicamente porque diversas unidades do novo aparelho da Samsung apresentaram um problema bem estranho com seu display.

Calma, não estamos falando de nenhum defeito grave aos moldes do que causou a ruína do Galaxy Note 7, mas sim da tela do smartphone exibindo uma espécie de filtro vermelho por cima do restante das cores. Assim que as primeiras fotos a respeito desse caso surgiram nas redes sociais, a fabricante sul-coreana fez questão de dizer que não se trata de uma falha técnica ou de controle de qualidade e que, felizmente, ser consertado pelo próprio consumidor.

Galaxy S8 calibrado no meio e dois "vermelhões" nas laterais

Teoricamente, basta entrar nas configurações de balanceamento de cor do sistema e diminuir a barra do vermelho até cerca da metade do indicador para que o visual correto – e mais calibrado – do display seja exibido. Vale notar que, ainda que essa solução tenha funcionado para boa parte dos afetados pelo problema, alguns usuários afirmaram que a vermelhidão persiste mesmo com o slider problemático colocado em sua posição mínima. O que fazer se isso acontecer com você? Leve o dispositivo a uma assistência autorizada, diz a Samsung.

O culpado pode ser a tecnologia Deep Red dos painéis Super AMOLED

Para analistas, o episódio tem origem na escolha da empresa em utilizar painéis Super AMOLED com a tecnologia Deep Red (Vermelho Profundo), que originalmente foi desenvolvido para contrabalancear o tom azulado das telas de eletrônicos. Mesmo que esse seja um incômodo fácil de ser resolvido – na maioria dos casos –, essa pode ser uma situação complicada para a Samsung. Afinal, além de a marca estar sob olhar clínico do público depois do Note 7, é de se esperar que um celular de R$ 4 mil chegue perfeito às suas mãos, certo?

O ajuste é simples, mas não resolve 100% dos casos

Partindo desse princípio, é quase certo que a companhia vai liberar uma atualização de software para a família Galaxy S8 muito em breve, solucionando automaticamente o pequeno deslize na calibração de cores. Como o celular só chega por aqui no dia 12 de maio, é bem possível que todo o episódio esteja resolvido até lá. E aí, acha que a tela avermelhada é um detalhe minúsculo em um projeto tão bacana ou acredita que a empresa deveria ter aprimorado o seu controle de qualidade? Deixe o seu comentário sobre o tema mais abaixo.