O surfista brasileiro Gabriel Medina já está acostumado com um equipamento de primeira, mas voltou ao Brasil para pegar onda de uma maneira diferente de tudo o que ele já havia feito. Em um treino especial realizado em Maresias, no litoral norte paulista, Medina surfou pela primeira vez em um protótipo de prancha tecnológica da Samsung.

Feita pelo shaper Johnny Cabianca, que já produz o equipamento tradicional de Medina, ela permite que o surfista receba mensagens do técnico e de fãs de qualquer lugar do mundo em tempo real durante a permanência em alto-mar. O técnico twitta frases de orientação com base no que ele observa de longe, como "Gabriel, mais aéreo" ou “Gabriel, mais velocidade". No caso dos torcedores, basta enviar recados usando #GOMEDINA.

Depois de quatro horas de treino, ele aprovou a experiência. "Certamente ter o apoio da torcida tão próximo traz uma motivação maior. Faz com que eu me sinta mais conectado a eles". Além disso, ele ganha minutos preciosos em não ter que entrar e sair da água a todo momento nos treinos só para ouvir orientações rápidas.

A prancha

A Samsung Galaxy Surfboard levou um ano e meio até chegar ao atual resultado. A prancha carrega um aparelho impermeável, o smartphone Galaxy S7, que recebe as mensagens através de postagens no Twitter com uma hashtag predefinida e as transmite para a tela instalada no deck da prancha.

E não tinha um surfista mais gabaritado para fazer o teste: Medina foi Campeão Mundial de Surfe da ASP World Tour de 2014, sendo o primeiro brasileiro a vencer um mundial do esporte.

Uma prancha de surfe inteligente pode ser o futuro do esporte? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: