Quando o Galaxy Note 7 finalmente for revelado pela Samsung no dia 2 de agosto, dificilmente alguém vai ficar surpreso com o visual do novo aparelho. Isso porque, após uma série de vazamentos, finalmente surgiu nesta sexta-feira (22) uma série de renderizações oficiais que revelam todos os ângulos e cores do novo phablet.

Conforme o esperado, tanto a parte traseira quanto a frontal são ligeiramente curvados em direção às laterais, o que garante um visual mais atraente. A Samsung foi inteligente ao usar a borda lateral em metal para criar um contraste com a cor de acabamento do smartphone, algo que fica especialmente evidente nos modelos dourado e azul.

A leva inicial do produto deve contar com acabamentos nas cores preto, prata, dourado e azul, sendo que a última delas provavelmente está programada para um número limitado de mercados. Caso a empresa sul-coreana siga tendências anteriores, novas opções de acabamento não devem demorar a ser anunciadas para locais como a Coreia do Sul.

Restrições do leitor de íris

Uma das principais novidades do Galaxy Note 7 deve ser o leitor de íris desenvolvido pela Samsung, que projeta um raio infravermelho em direção aos olhos do usuário para desbloquear o aparelho. Apesar de mais eficiente que um sensor de impressões digitais, a tecnologia também traz algumas limitações, como mostra uma foto da área de configurações do phablet.

Quem usa óculos pode ter problemas com o sistema

Para que a novidade funcione bem, a Samsung recomenda deixar o gadget em uma distância de 25 a 35 centímetros de seu rosto. Além disso, a companhia recomenda que o recurso não deve ser usado por bebês ou crianças pequenas, o que deixa clara a preocupação que a tecnologia possa causar alguma espécie de dano à visão caso seja usada frequentemente.

Além disso, a Samsung recomenda que pessoas que usam óculos devem retirá-los antes de acessar o leitor de íris, visto que o acessório pode prejudicar o funcionamento do sistema. Embora a companhia não tenha falado especificamente sobre lentes de contato, há fortes indícios de que elas também podem provocar um efeito semelhante — algo que não deve se mostrar exatamente cômodo para uma boa parte do público consumidor.

Cupons de desconto TecMundo: