Você já pensou como seria ter um aparelho eletrônico que se adapta fisicamente às suas necessidades do dia a dia? Um projeto criado por um dos laboratórios do MIT pode nos dar uma ideia. Com o nome de LineFORM, este robô com forma de serpente (ou de uma tira de tecido) é composto de uma série de servo-motores que podem atuar separadamente, se dobrando e girando nos mais variados ângulos.

A ideia é que, movendo esses atuadores de maneira precisa, é possível simular diversas formas capazes de auxiliar você nas mais diversas tarefas. Basta ver o vídeo no início da matéria para ter uma ideia: de início, ele pode carregá-lo por aí como uma simples pulseira; então, ao receber uma chamada, o LineFORM chama sua atenção com movimentos leves e, com um toque, se dobra de maneira a gerar uma tela de toque imaginária. Mais alguns ajustes de forma e pronto! A cobra virou um telefone.

Parece um mecanismo interessante? Pois o LineFORM não está limitado a apenas isso. Graças ao conceito por trás do sistema, que combina a simplicidade das linhas e curvas à capacidade de mudar de forma, a equipe consegue também criar um exoesqueleto de contenção, que se envolve em seu corpo e se enrijece para atrapalhar sua movimentação, por exemplo.

Tecnologia modular

As propostas mais curiosas e com maior potencial, entretanto, surgem com a adição de módulos especiais para o LineFORM. Um dos exemplos mostrados ali foi a adição de uma simples lâmpada à ponta do aparelho: com um único encaixe, o robô se molda de maneira a simular um abajur – com direito a uma alavanca para controlar o nível de iluminação.

Já uma ideia puramente estética, mas não menos divertida, é usar um módulo de conexão para tornar o LineFORM um enorme cabo USB: como o GIF abaixo mostra, o robô usa seus motores para simular a transmissão de dados.

Obviamente, o LineFORM não tem o objetivo de substituir as tecnologias de aparelhos que temos atualmente, mas apenas de mostrar uma nova abordagem de interface que uma tecnologia fisicamente adaptável pode nos oferecer. Mesmo assim, convenhamos que a ideia tem um potencial e tanto para ser usada em complemento a outros dispositivos.

Que outras ideias você tem para o uso do LineFORM? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: