A cidade turca de Ankara virou centro de uma polêmica das mais bizarras. O prefeito do município, sabe-se lá por que motivo, resolveu inaugurar uma estátua gigante de um robô de beleza duvidosa no local — tudo contruído com dinheiro público e sem gastos revelados.

A estátua, que lembra um personagem da franquia Transformers (antes da transformação feita por Michael Bay), teoricamente serve como convite para que a população visite um parque de diversões local. Ainda assim, nenhum dos moradores curtiu o novo ponto turístico. O resultado? O prefeito Gökçek está sendo processado pelos próprios cidadãos.

Quem iniciou a ação judicial foi a União Turca da Câmara de Engenheiros e Arquitetos (TMMOB, na sigla original), que considera a estátua "uma monstruosidade". Segundo um dos líderes do órgão, Tezcan Candan, "o dinheiro gasto para estátuas de robôs (...) que foram chamadas pelo prefeito como 'projeto de prestígio', pertence aos habitantes da cidade".

Considerado excêntrico por uns, malandro por outros e "troll" por quase todo mundo, o prefeito tira fotos com robôs e pergunta "qual é o mais bonito" aos seguidores nas redes sociais.

O robô foi inaugurado em 1º de abril, o que levou muita gente a pensar que aquela era uma brincadeira. Polêmico e acusado de corrupção, Gökçek publicou fotos dele ao lado da criação em redes sociais, acusou a TMMOB de ter menos inteligência que a cabeça de mármore do Transformer genérico e afirmou que os críticos devem "respeitar o robô".

Outro ângulo do robô defendendo a cidade de Ankara.

O parque de diversões em Ankara deve ter mais de 20 estátuas de robôs — tudo sem qualquer menção ao nome da franquia da Hasbro, já que nenhum tipo de direito autoral foi negociado.

Cupons de desconto TecMundo: