O Pleurobot é um daqueles projetos que buscam empurrar o desenvolvimento tecnológico. Isso porque ele parece simples, mas tem uma meta bem definida: criar um robô totalmente funcional, mas que se comporta como uma salamandra — nos movimentos e também na habilidade de nadar.

O robô, no estágio atual, parece mais um esqueleto do réptil. Para ser criado, os pesquisadores da Biorobotics Laboratory assistiram a muitos filmes de raio X em 3D de salamandras reais. Foi analisado como elas se movimentam tanto no solo quanto na água. Também, foram rastreados 64 pontos do corpo do animal — dessa maneira, a equipe conseguiu reproduzir fielmente a movimentação.

Sobre este processo, os pesquisadores explicaram o seguinte: "Fomos capazes de gravar três posturas para três tipos de movimentos. O Pleurobot possui controle de torque para todas as juntas ativas, o que permite aplicar modelos de rede neural no circuito espinhal da salamandra, além de ativar músculos virtuais para realizar ações iguais às do animal".

Você pode acompanhar o estágio atual do Pleurobot no vídeo acima.

Cupons de desconto TecMundo: