Quando alguém diz que as máquinas vão dominar o mundo, o ceticismo, geralmente, impera. Afinal, como os robôs, tão desajeitados e precisos apenas no que são programados para fazer, conseguirão lidar, por exemplo, com a simples tarefa de pegar algum objeto no chão? Se esse era um de seus questionamentos, é melhor começar a rever seus planos para o apocalipse.

O vídeo que abre esta matéria comprova: até mesmo a simples – mas complexa para máquina – tarefa de recolher e organizar objetos sobre um plano (ou caixa) os robôs conseguem fazer. E com uma maestria e perfeição que ser humano nenhum é capaz de empregar. E trocar uma lâmpada, será que ele também consegue? Melhor do que você, provavelmente.

Quem acompanha o TecMundo com frequência provavelmente já conhece esse robô. Trata-se do VERSABALL, um braço mecânico especialmente desenvolvido para lidar com objetos delicados ou até mesmo perigosos que já apareceu aqui em nosso site. A máquina foi criada por uma empresa especialmente desenvolvida para conceber o invento e é fruto de uma parceria entre universidades dos Estados Unidos.

Mas como ele funciona?

O seu funcionamento, apesar de não parecer, é bastante simples. A “bexiga” que está na extremidade do braço mecânico é recheada de um material granular. Quando em contado com algum objeto, essa bola  assume a sua forma e o envolve completamente.

Para segurar o objeto, o VERSABALL retira todo o ar da bexiga, fazendo com que o material granular não consiga se mover e fique estático. Dessa forma, o objeto “segurado” fica bem preso e envolvido por algo tão macio quanto grãos de areia.

Apresentação na CES 2015: prova de destreza e delicadeza

O que chamou nossa atenção para o VERSABALL novamente, depois de já termos abordado essa máquina uma vez, foi uma apresentação que seus criadores fizeram na CES 2015, o maior evento de tecnologia do ano que acontece em Las Vegas.

O vídeo acima dispensaria qualquer palavra, mas é necessário explicar o que aconteceu: a Empire Robotics, responsável pelo projeto do VERSABALL, resolveu mostrar a delicadeza e precisão de seu mecanismo. Com aplicação focada na indústria, a companhia deve ter chamado a atenção de muitas pessoas. Afinal, que é capaz de fazer o que esse robô faz, com a mesma precisão, frieza e delicadeza? Provavelmente ninguém.

Cupons de desconto TecMundo: