Nada de soldados armados até os dentes, submarinos cheios de mísseis e radares ou barcos equipados com metralhadoras: o modelo acima, que parece um trabalho amador, pode ser o mais novo responsável por proteger as águas em torno dos Estados Unidos nos próximos anos.

Em forma de atum, o veículo não tripulado é chamado de BIOSwimmer e está no segundo estágio de testes pela Boston Engineering Corporation – e o contratante é ninguém menos que o próprio Departamento de Segurança Nacional dos EUA. O clipe que você vê acima é de 2010, mostrando um dos protótipos do projeto.

Livre para nadar

Seu papel será patrulhar a costa do país em busca de atividades suspeitas em portos locais, como o tráfico ou contrabando. O controle é feito totalmente a partir de um laptop, mas o bicho mecânico também pode ter um computador de bordo e sistemas de comunicação.

(Fonte da imagem: Reprodução/LiveScience)

O robô-atum é mais uma tecnologia inspirada pela natureza: o conjunto inteiro é mais veloz, a cauda flexível ajuda a fazer manobras mais rapidamente, a forma esguia o ajuda a entrar em espaços pequenos (como o interior de navios) e seu design em si chama menos atenção do que robôs convencionais no mar – não que um peixe amarelo e gigante seja tão comum assim, claro.

Fonte: LiveScience

Cupons de desconto TecMundo: