Trabalhar em laboratórios pode ser um pouco complicado algumas vezes, já que é comum os cientistas precisarem entrar em contato com substâncias nocivas à saúde. Mahoro é um robô japonês que foi criado com o intuito tornar o trabalho nos laboratórios mais rápido e seguro.

Mahoro é mais eficiente que as pessoas e consegue executar o mesmo trabalho na metade do tempo, graças as suas articulações complexas que simulam os braços humanos. Construir um robô para um propósito específico é caro e demorado, portanto, a equipe optou por construir uma máquina que pode utilizar as mesmas ferramentas que os humanos.

Para programar o robô, os engenheiros criaram um laboratório virtual em 3D em que é possível planejar cada sequência de movimentos independentemente. Funciona assim: o programador clica na imagem do objeto que o robô deve pegar e para onde ele deve levar.

Esse sistema elimina a necessidade de complexas linhas de comando na hora de programar Mahoro. Dentro do laboratório virtual é possível elaborar o posicionamento ideal das ferramentas para aperfeiçoar o tempo de trabalho e, é claro, eliminar o risco de acidentes.

Fonte: DigInfo TV

Cupons de desconto TecMundo: