(Fonte da imagem: Reprodução/Wall Street Journal)

A Coreia do Sul continua na busca pelo desenvolvimento dos melhores robôs do mundo. Segundo o Wall Street Journal, os novos avanços do país já estão colocando robôs para fiscalizar prisões. Mas não há nada de futurista, com armamentos pesados, são apenas robôs móveis programados para identificar conflitos internos e movimentações estranhas (como tentativas de fuga).

Quando algo desse tipo for reconhecido, os robôs emitem alertas e os guardas humanos são acionados para neutralizar as possíveis ameaças. Uma das principais vantagens da aplicação desta tecnologia é referente à segurança dos agentes carcerários. Caso os presos ataquem, apenas os seres robóticos são danificados. Além disso, em situações de conflito, os robôs podem ser utilizados como canal de comunicação entre polícia e internos.

Cupons de desconto TecMundo: