Quinhentos anos após Martinho Lutero publicar documentos que ajudaram a dar início à reforma protestante ao redor da Europa, membros de uma igreja na cidade alemã de Wittenberg estão usando a tecnologia para questionar a fé humana. O local é casa de um “padre robô” capaz de dar bênçãos em cinco idiomas e que envia raios de luzes através de sua mão.

O dispositivo, conhecido como BlessU-2, faz parte de uma exposição que marca o aniversário da reforma protestante e da publicação das 95 teses que tornaram Lutero uma figura marcante na História. “Queremos que as pessoas pensem se é possível ser abençoado por uma máquina, ou se um humano é necessário”, afirmou Stephan Krebs da Igreja Protestante de Hesse e Nassau, ao The Guardian.

Com uma tela sensível ao toque em seu peito e duas mãos móveis, o robô é capaz de proferir bênçãos em alemão, inglês, francês, espanhol e polonês, com uma voz masculina ou feminina. “A ideia é provocar debate”, explica Krebs. “As pessoas das ruas estão curiosas, interessadas e curiosas. Elas realmente gostaram disso e estão bastante positivas. Mas, dentro da igreja, algumas pessoas pensam que queremos substituir pastores humanos por máquinas. Aqueles mais orientados para a igreja são mais críticos”.

Krebs acredita que uma máquina do tipo nunca poderia substituir os cuidados de um pastor. “Não queremos automatizar o trabalho da igreja, mas ver se conseguimos trazer uma perspectiva teológica às máquinas”, esclareceu. Em outras palavras, a iniciativa não tem o propósito de trazer à igreja uma quebra de paradigma tão grande quanto àquela que Lutero e outros fundadores da Igreja Protestante trouxeram há centenas de anos.

Cupons de desconto TecMundo: