Fábricas e centros de distribuição dos mais diversos tipos contam com robôs em suas linhas de produção para aumentar sua produtividade, e isso não é nenhuma novidade. Só que há mais um indício de que o trabalho do ser humano nesses locais está cada vez mais ameaçado: o novo braço robótico desenvolvido pela RightHand Robotics. Basicamente, ele é capaz de aprender como capturar objetos que nunca viu antes, além de ensinar outras máquinas a fazerem o mesmo.

A garra com diversos "dedos" funciona com um sistema de sucção, além de contar com uma câmera que analisa os materiais e determina qual a melhor maneira de segurar aquele objeto específico. Para que essa análise seja feita rapidamente, um algoritmo desenvolvido pela própria empresa processa as imagens instantaneamente, informando ao robô qual a melhor combinação de dedos a ser usada e se é necessário ativar a sucção. Além disso, o sistema também conta com técnicas de machine learning para aprimorar seu próprio algoritmo quando se deparar com produtos que nunca viu antes.

O robô é conectado a um servidor, compartilhando seu conhecimento com toda a rede. Dessa forma, toda a equipe de desenvolvedores e engenheiros de software ganha acesso remoto ao braço caso o equipamento tenha dificuldades na operação, ou ainda caso precise de novas instruções.

No momento, o RightPick ainda está em fase de aperfeiçoamento, mas você já pode conferir logo acima o braço robótico inteligente em funcionamento. Centros de distribuição de produtos como os da Amazon, por exemplo, têm hoje como desafio justamente a enorme variedade de itens armazenados. Robôs que operam esses produtos acabam tendo dificuldades de manipulá-los, mas é aí que entraria em ação o novo sistema.

 

Cupons de desconto TecMundo: