Você já deve ter visto por aí muitos protótipos de robôs de todos os tipos, desde os que imitam humanos até os que não se parecem com nada, mas sempre estão em busca de um design que seja – mais do que bonito – bastante funcional.

Pode ser difícil conseguir criar um dispositivo robótico que seja forte e versátil, pois sempre vai haver algum obstáculo para atrapalhar que ele realize algum tipo de tarefa específica. Para isso, muitos engenheiros se inspiram na natureza e, mais especificamente, nos animais, para tentar desenvolver robôs cada vez melhores.

Inspirado pela natureza

Pensando nisso, a empresa alemã Festo criou o OctopusGripper, um braço robótico inspirado nos tentáculos cheios de ventosas dos polvos. Observando o comportamento desses animais marinhos, os engenheiros desenvolveram uma estrutura de silicone que funciona com um sistema pneumático utilizado para dar movimento e força ao tentáculo artificial.

Sua maleabilidade faz com que seja muito mais fácil segurar objetos de superfície irregular, coisa que traria dificuldade para um robô com dedos rígidos

Além do braço robótico acabar sendo menos perigoso, pois não se trata de uma estrutura de metal maciço que pode causar acidentes, sua maleabilidade faz com que seja muito mais fácil segurar objetos de superfície irregular, coisa que traria dificuldade para um robô com dedos rígidos, por exemplo.

Para colaborar com o desempenho do OctopusGripper, duas fileiras de ventosas ajudam o braço robótico a segurar objetos com maior firmeza. Confira a seguir no vídeo como o dispositivo funciona:

Cupons de desconto TecMundo: