(Fonte da imagem: Divulgação/RIM)

A RIM, fabricante do BlackBerry, perdeu o contrato de fornecimento de celulares corporativos para o Departamento de Imigração dos Estados Unidos. A partir do ano que vem, os 17,6 mil funcionários desse braço do governo passarão a receber iPhones para usar no trabalho, em uma decisão que vai custar US$ 4,25 milhões aos cofres públicos.

Em nota oficial, o governo americano declarou que a parceria de oito anos com a RIM chegou ao fim pelo fato da empresa não ser mais capaz de cumprir as necessidades da agência. Também em comunicado à imprensa, a fabricante afirmou estar desapontada com a decisão, mas que vai buscar melhorar a qualidade de seus serviços.

A empresa criadora do Blackberry conta hoje com cerca de um milhão de clientes apenas no governo dos Estados Unidos. A RIM, porém, vem perdendo cada vez mais espaço no mercado de smartphones.

Fontes: Reuters, Olhar Digital

Cupons de desconto TecMundo: