Polêmica: escola brasileira vai usar RFID para rastrear alunos

1 min de leitura
Imagem de: Polêmica: escola brasileira vai usar RFID para rastrear alunos
Avatar do autor

(Fonte da imagem: Reprodução/ThinkStock)

Nada de pular o muro da escola ou fingir que está doente para ir jogar futebol: depois da implantação nos Estados Unidos, chegou a ver do Brasil aderir ao sistema RFID para monitoramento de pessoas. Uma escola de Vitória da Conquista, na Bahia, vai passar a rastrear os alunos utilizando essa tecnologia.

Os cerca de 20 mil alunos da rede municipal da cidade receberão gratuitamente um uniforme escolar “inteligente”, equipado com um chip de registro com os dados pessoais do estudante. O sistema exige a passagem da pessoa em um sensor que fica na entrada do colégio – e qualquer alteração nisso é notificada automaticamente via mensagem de celular à direção e aos pais, que partem em busca da criança fujona.

Por enquanto, os membros da rede de ensino local estão esperançosos quanto ao sucesso da tecnologia RFID para controle de frequência nas escolas – mas até quando isso não fere a privacidade de uma pessoa?

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Polêmica: escola brasileira vai usar RFID para rastrear alunos