Relógio de pulso usado por soldados durante a Primeira Guerra (Fonte da imagem: Deutsches Uhrenmuseum/Wikipedia)

Muita gente atribui, erroneamente, a invenção do relógio de pulso ao grande aeronauta brasileiro Alberto Santos Dumont. Porém, esse adereço foi construído pela primeira vez em 1868, por Patek Phillipe. Em 1880, cerca de 2 mil unidades de relógios de pulso foram vendidas para oficiais da Marinha Alemã.

Porém, nessa época, havia uma diferença: apenas mulheres costumavam ostentar o novo invento em seus braços. Isso começou a mudar a partir de 1904, quando o pai da aviação, Santos Dumont, pediu para seu amigo Louis Cartier um relógio que pudesse ser facilmente consultado durante os voos.

A partir desse primeiro modelo masculino de relógio de pulso, criado por Cartier e Edmond Jaeger, o comércio de relógio de pulso para homens começou a ser desenvolvido. Depois, a distribuição desse tipo de acessório para soldados em guerra também ajudou a popularizar o invento entre a comunidade masculina.

Hoje, muita gente prefere usar celulares em vez de relógios. Não há como negar que, para ver as horas, muitos recorrem aos Motorolas, Samsungs e iPhones. Mas ainda há quem não dispense um bom relógio de pulso, tanto para complementar o visual quanto pela praticidade de apenas olhar para o punho.

E já que estamos em um site voltado para a tecnologia, que tal conhecer alguns modelos com aparência e recursos high tech? Só não nos responsabilizamos pelo rombo que esta lista pode causar à sua conta bancária.

A hora do abismo

Quem procura um relógio diferente vai gostar do Abyss LED Touchscreen Watch. De fabricação japonesa, as horas são exibidas por meio de pequenos LEDs acionados logo após um pequeno toque sobre a superfície do relógio.

Depois de uma animação estilosa, a hora é marcada por um LED branco piscando. Já os minutos são apresentados em branco para múltiplos de cinco e azul para os demais, sem piscar. Com o vídeo acima fica mais fácil perceber o funcionamento desse acessório. Custa US$ 59,99 (R$ 121) e pode ser encomendado pela Think Geek.

Controle remoto de pulso

Está cansado de perder o controle remoto da televisão ou do DVD player? Pois então temos a solução: amarre-o ao seu corpo, assim, ele estará sempre por perto. Mas se não quiser passar vergonha perante o resto do mundo, você pode apelar para o Television Remote Control Wristwatch.

Com este relógio, o controle remoto está sempre por perto (Fonte da imagem: Hammacher Schlemmer)

Com seis botões laterais, esse relógio permite que você troque de canal, aumente e diminua o volume, ligue o televisor ou o DVD e até mesmo avance ou retroceda vídeos. O acabamento em aço escovado torna a peça ainda mais bonita. O relógio também conta com alarme, calendário e cronógrafo (conhecido popularmente como cronômetro). Custa US$ 39,95 (cerca de R$ 60) e, por enquanto, está fora de estoque. Consulte o site da Hammacher Slechmmer para mais detalhes sobre a disponibilidade do produto.

Smartwatch para Android

Parece um relógio, mas é um microdisplay que, após se conectar via Bluetooth com um celular com Android, passa a exibir informações do aparelho diretamente no seu pulso. Entre as aplicações compatíveis, estão atualizações do Facebook, email, SMS, leitor de feed, previsão do tempo e até mesmo a possibilidade de controlar o reprodutor de música.

Outro destaque fica por conta da integração com o Endomondo Sports Tracker, que ajuda a monitorar suas corridas e até o batimento cardíaco do atleta. Pode ser encontrado na Amazon por US$ 150 (R$ 304).

Relógio para esporte

Localização, velocidade e batimento cardíaco são monitorados pelo Ambit (Fonte da imagem: Reprodução/Amazon)

Podemos chamar o Suunt Ambit de relógio de pulso, mas ele é muito mais do que isso. Ideal para quem gosta de se aventurar por montanhas e trilhas, esse dispositivo é capaz de marcar não apenas as horas, mas também altitude, localização, velocidade, batimentos cardíacos e temperatura.

Além de bússola, o GPS embutido no relógio também permite que uma rota seja traçada na internet e, depois, copiada para o dispositivo, que avisa o seu dono sempre que o destino for alcançado. O Ambit também marca o registro de atividades anteriores, permitindo que você consulte esses dados posteriormente. Custa cerca de US$ 600 (R$ 1.220) e pode ser encontrado na Amazon.

Integração com Blackberry

InPulse se comunica com smartphone Blackberry (Fonte da imagem: Reprodução/Think Geek)

Não é só dono de smartphone com Android que pode se beneficiar de microdisplays no pulso. O público mais corporativo, que não dispensa seu BlackBerry, também tem uma opção na mesma faixa de preço: o InPulse Smartphone Notification Watch.

Depois de sincronizar o InPulse com seu telefone (Blackberry ou Android), é possível verificar SMS, alerta de calendários, emails e até a identidade da pessoa que este ligando para o seu número. Também é possível personalizar o relógio com aplicativos encontrados no Blackberry AppWorld ou Google Play. Custa US$ 150 (R$ 304), na Think Geek.

Nike+ Sportwatch GPS

Relógio da Nike possui GPS TomTom para monitorar corridas (Fonte da imagem: Reprodução/Nike)

Que tal carregar um GPS TomTom em seu relógio? Ideal para corredores, o Nike+ Sportwatch GPS se comunica com o usuário por meio de alertas sonoros, avisando, por exemplo, sobre a quebra de recordes, mas também monitorando, em silêncio, a quantidade de calorias queimadas, frequência cardíaca, o tempo e a distância percorrida durante os treinos.

Depois, basta conectá-lo a uma porta USB em seu PC ou Mac para analisar os dados em uma planilha. Na loja virtual da Nike, custa US$ 169 (R$ 345). Nas lojas brasileiras, custa cerca de R$ 1.000.