O Instituto Hasso Plattner, na Alemanha, está desenvolvendo uma tecnologia que tornará a imersão em ambientes de realidade virtual muito mais intensa. Chamado de “Impacto”, trata-se de um módulo complementar para óculos de realidade virtual que permite ao usuário “interagir” fisicamente com o que estiver vendo ou jogando.

No vídeo acima, você pode assistir ao protótipo em uso. Em vez de simplesmente vibrar para indicar um contato, como os controles de video game fazem hoje, os diferentes pontos do dispositivo causam um estímulo elétrico nos músculos do usuário, passando uma sensação mais crível de contato e de impulso.

Esses impulsos elétricos fazem o braço se mover para perto do corpo do usuário quando leva um soco em um jogo de boxe ou o faz sentir a bola quicando em seu pé enquanto faz embaixadinhas virtuais, por exemplo. A solução pode ser aplicada em módulos maiores ou menores, para causar estímulos mais abrangentes ou localizados, e ser aplicada até mesmo em outros objetos, como bastões e volantes.

Os desenvolvedores dizem já estar trabalhando em novos módulos para as regiões abdominal e dos ombros para tornar a experiência ainda mais convincente. Em um futuro próximo, quem sabe não estejamos utilizando trajes de corpo inteiro para jogar games de realidade virtual em que poderemos interagir completamente com as imagens geradas.

Na sua opinião, em quais jogos as funções do módulo Impacto seriam bem utilizadas? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: