A ODG finalmente colocou uma etiqueta de preço nos óculos R-7: US$ 2.750, praticamente R$ 10,5 mil, sem impostos e taxas. Sim, está bem caro. Mas precisamos entender que o mercado ainda está engatinhando em produtos de realidade aumentada como esse — ainda, que esse valor provavelmente está mais barato do que o preço de chegada do Microsoft HoloLens.

O R-7 é um dispositivo alimentado por um processador Qualcomm Snapdragon 805 que roda o sistema operacional ReticleOS — nada mais que um Android KitKat modificado pela ODG. Além disso, ele oferece painéis 720p (16:9, 60 fps) para cada olho com 3D estereoscópico, conexão wireless de alta velocidade, 3 GB de RAM, 64 GB de armazenamento interno e uma bateria de 1.300 mAh.

Tudo isso deixa os óculos com uma aparência robusta, como você ver na imagem. Sobre os sensores, a ODG comenta que ele possui uma unidade de medição com três acelerômetros, três giroscópios e três magnetômetros. Além disso, estão presentes sensores de altitude, umidade e luz ambiente.

No vídeo acima, você pode conferir um pouco de como o R-7 funciona. Abaixo, vamos listar as especificações técnicas do novo produto de realidade aumentada a chegar ao mercado.

ODG R7

  • Lentes: 720p, 16:9, 60 fps, 3D
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 805
  • RAM: 3 GB
  • Armazenamento interno: 64 GB
  • Sistema operacional: ReticleOS (Android KitKat)
  • Bateria: 1.300 mAh
  • Preço: US$ 2.750 (R$ 10,5 mil sem impostos e taxas)

O que você achou do preço do ODG R-7? Comente no Fórum do TecMundo 

Cupons de desconto TecMundo: