Viver sem enxergar o mundo é um fardo que muitas pessoas carregam por toda sua existência, mas uma mulher canadense chamada Kath Beitz, de 29 anos, teve a chance de ver um dos momentos mais importantes de sua vida mesmo sendo cega. Usando um par de óculos especial chamado eSight, ela pôde ver seu filho recém-nascido enquanto o segurava.

Apesar de ser cega, ela tem um pouco de visão periférica e, por isso, os ósculos funcionaram anulando o seu problema de visão. Câmeras na frente do eSight capturam vídeo em tempo real e replicam o conteúdo para telas especiais voltadas às partes dos olhos que ainda conseguem enxergar. Kath é cega desde criança, quando desenvolveu uma doença chamada degeneração macular, normalmente associada a pessoas idosas.

A empresa que fabrica os óculos usados por Beitz cobra US$ 15 mil pelo equipamento e, para adquirir um deles, uma campanha online está arrecadando dinheiro para ela. Estima-se que na América do Norte, 140 indivíduos utilizem o equipamento para resolver problemas causados pela degeneração macular e outros problemas similares.

Cupons de desconto TecMundo: