Depois de funcionar por quatro anos, a CastAR, startup desenvolvedora de tecnologias em realidade aumentada, anunciou o encerramento de suas atividades. Segundo informações do site Polygon, a companhia não conseguiu mais arrecadar recursos de novas empresas ou de patrocinadores.

Formada por dois ex-funcionários da Valve, a startup iniciou as atividades com um projeto de um óculos de realidade aumentada, que foi financiado pelo Kickstarter. Porém, a empresa devolveu o dinheiro dos apoiadores, já que teria conseguido investimentos externos e atrasado o lançamento, que deveria acontecer ainda neste ano.

O aparelho projetava imagens em uma lente reflexiva, permitindo que os usuários interagissem com o conteúdo usando uma espécie de controle, bem próximo do que foi oferecido pelo novo Samsung Gear VR 2017.

Apesar do mercado de realidade aumentada apresentar um grande potencial de crescimento, esse pode ser um passo para trás nesse mercado. Porém, ainda de acordo com o Polygon, uma equipe está em busca de um comprador para a tecnologia desenvolvida pela empresa.

Cupons de desconto TecMundo: