(Fonte da imagem: Divulgação/Razer)

Nesta segunda-feira, os escritórios da Razer em São Francisco foram invadidos. Os ladrões levaram dois protótipos da linha Blade de notebooks, os quais ainda estavam sendo testados para o lançamento. A empresa é famosa por fabricar componentes e PCs feitos para o máximo desempenho em jogos.

A última versão prevista da linha Blade possuía processador Core i7 de 2,8 GHz, 8 GB de memória RAM e uma NVIDIA GeForce GT 555M - mais que o suficiente para rodar qualquer jogo. Outro grande destaque são as 10 teclas LED personalizáveis de acordo com os atalhos definidos pelo comprador, que surgiram pela primeira vez no modelo SwitchBlade.

A Razer pede para que todas as informações sejam enviadas ao email cult@razerzone.com.

Cupons de desconto TecMundo: