O Project Ara é um dos projetos mais ambiciosos da Google. A ideia é desenvolver um smartphone modular totalmente funcional. Ou seja, ele é montado em partes dedicadas que se integram em um único aparelho. Só isso deve ser o suficiente para manter a atenção de qualquer funcionário envolvido, não é? Ao que parece, não.

Paul Eremenko, engenheiro-chefe do projeto modular, está de saída da Google para entrar na gigante da aviação Airbus. Eremenko vai comandar o novo Centro de Inovação da companhia, com a ajuda do veterano Andreesen Horowitz.

O movimento, como indicou o The Verge, pode indicar que a gigante da aviação está buscando um pouco da magia presente no Vale do Silício, com centenas de quilômetros de distância dos seus escritórios em Blagnac, na França.

Porém, a Airbus não é a única companhia de transporte interessada no Vale do Silício: a Ford inaugurou em Palo Alto um Centro de Pesquisa e Inovação. A magia do local, citada anteriormente, pode ser explicada pelo número de empresas de tecnologia inovadoras com escritórios no território. Entre elas, estão a Apple, o Facebook, a NVIDIA, a EA, a Symantec, a AMD, o eBay, o Yahoo!, a Intel e a HP — além da própria Google.

Cupons de desconto TecMundo: