Lyndsay Scott em um de seus trabalhos como modelo. (Fonte da imagem: Reprodução/i1news)

Se por um momento você basear o seu raciocínio em estereótipos comuns, é bem provável que não considere possível que uma modelo também conduza uma carreira como programadora profissional. No entanto, é exatamente isso que a estadunidense Lynday Scott está fazendo — e com sucesso nas duas profissões que desempenha.

De acordo com uma matéria produzida pela BBC, Lyndsay começou a se interessar pela programação quando era apenas uma criança. Isso aconteceu pelo simples fato de que ela descobriu ser capaz de produzir os seus próprios jogos para computador. A partir daí, ela começou a aprender a trabalhar com softwares de diferentes tipos.

Entre a moda e os computadores

A modelo também conta com alguns de seus softwares disponíveis para download na loja digital da Apple. Um deles é uma ferramenta voltada para relacionamentos capaz de identificar pessoas com interesses em comum com os seus, sendo que o software trabalha com os usuários que estão perto de você no momento.

Lyndsay aproveitou para afirmar que não era considerada bonita na época em que era mais nova e que não se sente muito bem perto de adolescentes por conta de experiências ruins. Apesar disso, a sua carreira de modelo está indo bem, já que ela participou de campanhas para marcas largamente conhecidas, como Prada e Victoria’s Secret.

Além de tudo isso, a programadora é a mentora de um grupo voltado para garotas interessadas por programação, chamado de “Girls Who Code”. Lyndsay termina a matéria dizendo que algumas pessoas não acreditam que ela possa até mesmo trabalhar com robôs, mas que ela conhece muitas outras mulheres que são jovens modelos e realmente inteligentes.

Parar conferir o vídeo feito pela BBC, apenas clique aqui.

Cupons de desconto TecMundo: