Monitor Quad HD vale a pena para jogos?

5 min de leitura
Imagem de: Monitor Quad HD vale a pena para jogos?
Imagem: Getty Images
Avatar do autor

Sonho de consumo dos jogadores de PC, um bom monitor gamer é essencial para uma experiência aprimorada nos jogos, seja voltado ao cenário competitivo ou os famosos títulos mais cinemáticos.

Com um mercado gigantesco e repleto de opções, uma categoria específica de monitores vem ganhando destaque com o passar dos anos: as telas Quad HD. O ponto médio entre performance e qualidade no mundo dos monitores pode ser a solução perfeita para os jogadores.

O que é o Quad HD?

Também conhecido como 2.5K ou 1440p, o Quad HD é uma das três principais resoluções de alta definição mais conhecidas pelo público. Se imaginarmos uma escala em progressão, basta pensar no famoso Full HD ou 1080p primeiro; o Quad HD no meio do caminho; e o 4K.

Escala de resoluçõesEscala de resoluçõesFonte:  Tecmundo (Felipe Vidal) 

Não tão conhecido por parte do grande público, o QHD começou a se popularizar há relativamente pouco tempo, tanto em monitores quanto em celulares mais avançados. O mundo das TVs, no entanto, não recebeu bem a tecnologia, permanecendo sob a hegemonia do Full HD e 4K.

Com 2540 por 1440 pixels, a resolução é mais encontrada em modelos de 27 até 32 polegadas. Acima disso, já é mais indicado investir num monitor 4K por conta da densidade de pixels e o espaço física da tela. Em outras palavras, um display de até 32 polegadas tem espaço e pixels em uma boa proporção para não gerar "distorções" na imagem.

Meu PC suporta o Quad HD?

Por ser uma resolução superior ao Quad HD, não é todo PC Gamer que vai rodar games em qualidade ultra e a altas taxas de quadros. Portanto, é preciso ficar de olho em suas configurações e passar a pensar em eventuais atualizações se quiser jogar os principais lançamentos no máximo.

Via de regra, os computadores seguem um padrão: quanto maior a resolução, maior carga é direcionada para a placa de vídeo, enquanto o trabalho do processador diminui. Em FHD, por exemplo, a maior carga de estresse fica na CPU, enquanto as placas de vídeos podem não chegar aos seus 100% de uso.

Em suma, processadores de entrada para intermediários não devem interferir na taxa de quadros em Quad HD e principalmente o 4K. Por outro lado, é preciso ter uma placa de vídeo mais parruda. Dentre as opções da nova geração, modelos como as RTX 3060 Ti, RTX 3070 e RX 6700 XT são as mais indicadas para o 2.5K.

No entanto, opções como as RTX 3060, RX 6600 XT, e até as mais antigas, como RTX 2070 seguram a resolução sem problemas. Porém, é preciso baixar um pouco a qualidade para o alto ou reduzir alguns filtros para atingir 60 frames estáveis em títulos mais pesados.

Atualmente ainda podemos contar com softwares de upscaling, como o AMD FidelityFX Super Resolution e o NVIDIA DLSS, que renderizam o game em uma resolução menor e depois expandem a imagem utilizando Inteligência Artificial, aprendizado de máquina, etc.

Testes em games

Para mensurar o quão mais pesado um game pode rodar em Quad HD, realizamos alguns testes com uma RTX 3060, processador Ryzen 5 3600X e 16 GB de memória RAM (2x8) DDR4 a 3200 MHz. Os games testados abaixo rodaram em 1440p, qualidade máxima, sem Ray Tracing, FSR e DLSS.

Benchmarks com uma RTX 3060Benchmarks com uma RTX 3060Fonte:  Tecmundo (Felipe Vidal) 

Os resultados são bem positivos, uma vez que as médias ficaram bem próximas dos 60 quadros. Ao ativar tecnologias como o DLSS e FSR, já é possível atingir e superar a marca dos 60 fps com tranquilidade. Caso você esteja em dúvidas se seu PC rodaria bem ou não, basta se basear no desempenho acima e comparar com a performance média da sua placa.

Outra possibilidade é pesquisar sua placa de vídeo + seu processador rodando um game específico que você goste no YouTube. Diversos canais postam seus gameplays para mostrar o desempenho ao público, e esses benchmarks podem ser um bom parâmetro para tomar sua decisão.

Nenhum game competitivo, como Call of Duty: Warzone ou Fortnite foi testado por um simples motivo. Jogadores dessa categoria estão mais preocupados com taxas de quadros do que necessariamente mais pixels na tela. Assim, para esse público o Full HD vai atender muito bem.

Modelos disponíveis no Brasil

O mercado de monitores Quad HD no Brasil é complicado. Embora existam bons modelos disponíveis, os preços podem ser altos na maioria das vezes, variando entre R$ 2.600 a R$ 5.000. Porém, uma situação curiosa começa a aparecer: monitores 4K mais baratos que modelos 2.5K.

De fato, é possível encontrar telas 4K a partir de R$ 1.700 em diversas promoções, mas esses modelos geralmente representam os produtos mais básicos da categoria no portfólio das empresas. Isso significa que a construção acaba por ser apenas em plástico, sem regulagem de altura, painéis com pouco brilho, poucas conexões HDMI e a ausência de tecnologias como HDR, FreeSync e G-SYNC.

ROG Swift PG329Q é um dos melhores da categoriaROG Swift PG329Q é um dos melhores da categoriaFonte:  ASUS/divulgação 

Dentre as opções mais acessíveis ao público, é possível destacar modelos da ASUS, como o VG27WQ1B, e da Gigabyte, com o G27QC-SA. Os dois ficam na faixa dos R$ 2.700, mas podem aparecer por menos em promoções de fim de ano. Outros modelos das linhas ASUS ROG e Alienware também aparecem no varejo brasileiro, mas esteja preparado para desembolsar uma quantia bem maior.

Vale a pena?

Com uma qualidade de imagem inquestionável, os monitores Quad HD são, para este que vos escreve, a melhor opção para um usuário que quer muita definição, mas não quer gastar ou não tem hardware suficiente para jogar em uma TV 4K, enquanto monitores desse naipe são praticamente nulos em nosso mercado.

Getty Images

Embora o preço seja, sim, alto, um monitor é um investimento para o longo prazo, e ainda vem recheado de recursos importantes para dar mais longevidade a esse tipo de aparelho. Minha única grande ressalva, além do investimento, é a não recomendação para pro-players que querem jogatinas com taxas de quadros acima de 160 quadros, por exemplo.

No entanto, se você possui um setup capaz de aguentar Quad HD e quer jogar no PC, vale a pena ficar de olho nos monitores com a resolução.

Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.