Doutor Estranho 2: o que ver antes da estreia do filme da Marvel?

3 min de leitura
Imagem de: Doutor Estranho 2: o que ver antes da estreia do filme da Marvel?
Imagem: Marvel
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.

A estreia de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura (Doctor Strange in the Multiverse of Madness, no original) está marcada para o dia 5 de maio deste ano, mas os fãs da Marvel continuam muito animados para saber o que os realizadores prepararam para o público, tendo em vista todas as imagens promocionais já divulgadas sobre o filme.

Se a questão do multiverso é bastante importante para a compreensão da Fase 4 do MCU, certamente, o longa-metragem protagonizado por Stephen Strange (interpretado por Benedict Cumberbatch) vai adicionar mais elementos narrativos interessantes para a expansão dessa ideia.

Pensando sobre o assunto, desenvolvemos uma lista com algumas obras essenciais da Marvel para que você possa assistir Doutor Estranho 2 sem qualquer tipo de dúvida com relação à sua trama. Lembre-se de que é possível conferi-las na íntegra por meio do Disney Plus.

Aproveite!

Doutor Estranho (2016)

(Marvel/Reprodução)(Marvel/Reprodução)Fonte:  Marvel 

No primeiro filme com Stephen Strange, os espectadores puderam descobrir um pouco mais sobre sua origem. Trabalhando como um neurocirurgião importante na cidade de Nova York, ele desenvolveu suas habilidades e fama de um jeito bastante arrogante aos olhos dos seus colegas de trabalho.

No entanto, depois de sofrer um acidente e ter suas mãos comprometidas, ele conhece a Anciã (Tilda Swinton), que pode lhe ensinar algumas técnicas e artes místicas para enfrentar qualquer tipo de problema com base no Kamar-Taj. É a partir disso que ele se envolve em uma missão perigosa, na qual será preciso dominar sua força interna para conseguir neutralizar os inimigos.

WandaVision (2021)

(Disney+/Reprodução)(Disney+/Reprodução)Fonte:  Disney+ 

Uma das primeiras séries originais da Marvel lançadas pelo Disney Plus foi WandaVision, que trouxe diversos elementos das sitcoms norte-americanas para contar uma história de luto e sofrimento. Em um novo contexto, Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen) agora vive uma rotina tranquila ao lado de seu marido, o Visão (Paul Bettany), em uma cidade pacata e quase sem nenhum tipo de problema.

No entanto, aos poucos o público percebe que tudo aquilo pode ser apenas uma construção hipotética e sem profundidade. Nesse sentido, os habitantes reais de Westview podem estar correndo grande perigo com suas vidas tomadas por uma nova realidade.

Loki (2021)

(Disney+/Reprodução)(Disney+/Reprodução)Fonte:  Disney+ 

Se em WandaVision a questão do multiverso foi introduzida de um jeito inusitado, com Loki, outra série da Marvel no Disney+, a situação se expandiu ainda mais. Na produção, o anti-herói de Asgard se envolve com a Agência de Variância Temporal e todos os mecanismos utilizados pela organização para conter o avanço das variantes perigosas presentes em outras realidades.

É nesse ponto que Loki conhece Sylvie (Sophia Di Martino), uma de suas variantes e todos os mistérios relacionados ao multiverso, no qual o personagem tem duas escolhas: ser apagado para sempre ou ajudar a consertar a linha do tempo sagrada.

What If (2021)

(Disney+/Reprodução)(Disney+/Reprodução)Fonte:  Disney+ 

Nessa animação lançada em formato de antologia, o público descobriu mais sobre como o multiverso pode ser mágico e grandioso. As tramas exploradas em What If mostram o que aconteceria se os personagens tivessem posições diferentes ou estivessem encaixados em novos contextos.

Em um dos episódios, o Doutor Estranho perde seu grande amor, a Dra. Christine Palmer, e luta contra seu próprio destino para reverter a situação. No entanto, alguns fatos são essenciais para a linha do tempo e tudo o que ele fizer pode ser muito perigoso até mesmo para o multiverso.

Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa (2021)

(Disney+/Reprodução)(Disney+/Reprodução)Fonte:  Disney+ 

E para fechar a lista, há um dos últimos filmes da Marvel em que a questão do multiverso foi mais uma vez escancarada. Envolvendo diretamente Stephen Strange, depois de atrapalhar seu feitiço, Peter Parker (Tom Holland) precisa lidar com as consequências do surgimento dos vilões de outras realidades alternativas do Homem-Aranha.

Além disso, até mesmo outras versões do herói surgem para ajudá-lo a conter o avanço do mau em Nova York, trazendo momentos épicos aos fãs e culminando em um desfecho cheio de pontos importantes para que o Doutor Estranho possa desenvolver em seu novo filme. Por ter um lançamento muito recente, esse filme ainda não está disponível em plataformas digitais.

Imagem: Assine o Disney Plus
Imagem: Tecmundo Recomenda

Assine o Disney Plus

Assista o novo Star Wars: The Bad Batch e mais séries e filmes originais do universo Star Wars, Marvel, Pixar, National Geographic no Disney+. Tudo isso por apenas R$ 27,90/mês.