É o fim: BlackBerry encerra suporte e serviços de modelos clássicos

1 min de leitura
Imagem de: É o fim: BlackBerry encerra suporte e serviços de modelos clássicos
Imagem: Karlis Dambrans/Flickr
Avatar do autor

Como prometido, a lendária fabricante de celulares BlackBerry encerrou o suporte e a disponibilidade de serviços de telefonia nos modelos antigos da empresa. A partir desta terça-feira (4), os aparelhos da marca que rodam o sistema operacional da própria BlackBerry praticamente perdem toda a utilidade.

Em resumo, os modelos não poderão mais fazer ou receber chamadas telefônicas, nem enviar mensagens SMS. Até mesmo a ligação para serviços de emergência (o 911, nos Estados Unidos) foi desabilitada.

Os aparelhos ainda deixam de receber qualquer tipo de atualização de desempenho ou segurança e os apps nativos da BlackBerry terão "funcionalidade limitada".

Mudança de rumos

Os dispositivos afetados são aqueles que rodam BlackBerry 10, BlackBerry 7.1 OS, BlackBerry PlayBook 2.1 OS ou versões anteriores — seja na versão Wi-Fi ou com plano de dados móveis. Todos são considerados já obsoletos pela companhia, enquanto os modelos lançados com Android ainda continuam funcionando normalmente.

A mudança faz parte de uma tentativa de repaginação na empresa, que antes era chamada de RIM, e agora deve ser mais focada em software. O lançamento de modelos com Android, em uma parceria com a chinesa TCL, foi encerrado em 2020 após quatro anos.

A BlackBerry orienta aos consumidores que façam o backup de arquivos dos aparelhos antigos a partir de tutoriais no site da empresa, caso necessário, e troquem de telefone para um dispositivo recente.

Bastante popular no começo dos anos 2000, a BlackBerry inovou ao apresentar um smartphone com teclado físico e foco em produtividade e segurança, sendo bastante adotado por executivos e políticos ao redor do mundo. Na década seguinte, a popularização dos sistemas Android e iOS acabou tirando quase todo o mercado da canadense.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.