Echo Show 10: Alexa stalker e divertida, mas muito cara [Review]

5 min de leitura
Imagem de: Echo Show 10: Alexa stalker e divertida, mas muito cara [Review]
Imagem: Amazon
Avatar do autor

Anunciado em setembro do ano passado, o Echo Show 10 é um dispositivo da Amazon com a boa e velha Alexa que já conhecemos e uma carcaça diferentona que gira a tela em quase 360 graus. Em março de 2021, ele começou a ser vendido no Brasil por R$ 1.899.

Como já é de costume em um aparelho Echo, é possível ligar e desligar lâmpadas inteligentes, ver imagens do porteiro eletrônico e muito mais usando apenas comandos de voz. O Echo Show 10 também pode se conectar com Spotify, Apple Music, Deezer, Amazon Music, Amazon Prime Video e Netflix para o usuário consumir o conteúdo direto na telinha do dispositivo.

Nada de YouTube por aqui, mas dá para fazer um "truque" e acessar os vídeos da plataforma por meio dos navegadores que já vêm no Echo Show 10, o Amazon Silk e o Firefox.

Echo Show 10Conteúdo em vídeo disponível no Echo Show 10. (Foto: TecMundo)

Design

O Echo Show 10 tem tela HD de 10 polegadas com uma câmera grande-angular de 13 MP integrada que conta com uma tampa física. A qualidade da tela melhorou em comparação com o Echo Show de primeira e de segunda geração; a imagem está mais clara e consegue adaptar o brilho e a cor de acordo com a iluminação do ambiente.

No começo, a tela girando sozinha era mais assustadora do que legal, mas depois de algum tempo ficou mais legal do que assustadora.  Apesar de não ter uma rodinha para ir atrás de mim andando pela casa toda, esse Echo Show tem um motorzinho bem silencioso que é responsável por fazer o display girar na hora de fazer o rastreamento automático para seguir as pessoas de um lado para o outro do cômodo.

Echo Show 10Echo Show 10. (Foto: TecMundo)

Vale destacar que, se o local estiver muito escuro, ele exibe uma mensagem dizendo que o movimento está indisponível porque a iluminação está baixa. Também não há movimento se a câmera estiver bloqueada. O Echo Show 10 pode ser girado manualmente para a esquerda e para a direita, e a tela pode ser inclinada para cima ou para baixo, mas esse recurso vertical não é motorizado.

O design, no entanto, não é a coisa mais bonita que você vai ter em casa, lembrando um pouco o iMac G4 de 2002. Outro detalhe visual que pode incomodar é que, mesmo na versão preta do aparelho a única disponível no Brasil —, o cabo é branco.

Echo Show 10Detalhe do Echo Show 10. (Foto: TecMundo)

O Echo Show pesa 2,56 quilos, então não é um alto-falante para sair carregando por aí facilmente entre os cômodos. Os 25 centímetros de largura e a necessidade de ter espaço livre em volta para ele girar na base também reduzem um pouco as opções de locais para colocá-lo — a Amazon manda até um papelzinho para você saber quanto de espaço precisa deixar em volta do aparelho para ele girar livremente.

O dispositivo tem botões físicos para controle de volume, silenciamento do microfone e fechamento manual do obturador da câmera. Por falar em volume, o som também é muito bom e, apesar de não chegar ao nível do Echo Studio (sem tela), o Echo Show 10 faz um bom trabalho com seus dois tweeters de 5 watts com direcionamento frontal e seu woofer de 25 watts.

Echo Show 10Espaço necessário para o Echo Show 10 girar. (Foto: TecMundo)

Privacidade

É claro que ter um assistente virtual equipado com um câmera que o segue por aí gera uma série de dúvidas, principalmente relacionadas à privacidade. Para garantir essa segurança ao usuário, o processamento que aciona o movimento da tela acontece no próprio dispositivo, então imagem e vídeo não são enviados para a nuvem para fornecer o recurso de movimento.

Para isso, a Amazon usa localização por áudio e visão computacional para entender o posicionamento do usuário no cômodo. Por isso, toda vez que você quiser trocar o Echo Show 10 de lugar na casa, precisa recalibrar essa funcionalidade de movimento para que ele entenda o novo espaço ao redor. O Echo Show 10 tem um processador MediaTek 8183 com Amazon AZ1 Neural Edge integrado para deixar a Alexa mais responsiva.

Echo Show 10Obturador da câmera do Echo Show 10 pode ser fechado manualmente. (Foto: TecMundo)

Rastreamento

O rastreamento automático funcionou bem quando eu estava sozinha, demorando só um pouquinho para me achar se eu andasse muito rápido, mas ficava confuso quando outra pessoa entrava no cômodo ou quando o volume da TV estava um pouco mais alto.

Nas configurações do Echo Show 10, é possível diminuir o raio de giro da tela, definir uma posição ociosa exata (para onde apontará quando não estiver rastreando algo) e até mesmo desabilitar o movimento completamente.

Echo Show 10 girandoEcho Show 10 em movimento. (Imagem: TecMundo)

Também dá para desligar o recurso de movimento apenas deslizando a tampa da câmera na chavinha que fica na parte superior, ajustando as configurações pelo próprio dispositivo ou no aplicativo Alexa. E, é claro, também dá para falar "Alexa, desligar o movimento".

Câmera de vigilância (ou quase isso)

Além de servir bem ao fazer uma videochamada ou ler uma receita enquanto você está cozinhando, por exemplo, o Echo Show 10 pode funcionar como uma espécie de câmera de vigilância interna. Isso porque é possível acessar a câmera do aparelho remotamente pelo aplicativo Alexa no smartphone.

Dá para aumentar e diminuir o zoom para ver o ambiente todo, abrir o microfone para falar com seu cachorro ou gato enquanto você está no trabalho ou ouvir o que ele está aprontando por lá. Mas o recurso não tem nada de discreto: quando é acessado remotamente, o Echo Show 10 mostra um alerta gigante na tela indicando que “um membro da conta familiar está vendo sua câmera”.

Echo Show 10Acessando remotamente a câmera do Echo Show 10. (Foto: TecMundo)

Vale a pena?

O Echo Show 10 foi lançado fora do Brasil por US$ 250, mas aqui chegou por R$ 1.899. É o Echo mais caro já visto por essas bandas. Apesar de ser o modelo mais completo, o preço no Brasil ainda é salgado demais para um assistente digital, ainda mais se você não for hard user.

Quem mora em apartamento pequeno e não tem tanta opção de espaço para colocar o aparelho livre em um raio relativamente grande também deve repensar a compra.

No fim das contas, a experiência é divertida e curiosa, mas as funções primordiais de um Echo Show podem ser atendidas por modelos que estão bem mais em conta.

Imagem: Echo Show 10
Imagem: Tecmundo Recomenda

Echo Show 10

A assistente virtual desenvolvida para se mover com você. Possui tela de 10,1 polegadas, câmera de 13 MP, Alexa integrado e esta cheia de funcionalidades. Controle facilmente sua casa inteligente.

Echo Show 10: Alexa stalker e divertida, mas muito cara [Review]