Receita Federal já apreendeu e destruiu 160 mil TV Box piratas

1 min de leitura
Imagem de: Receita Federal já apreendeu e destruiu 160 mil TV Box piratas
Imagem: ABTA
Avatar do autor

A Receita Federal anunciou que já apreendeu mais de 160 mil TV Box piratas na fronteira com o Paraguai, na Alfândega de Foz do Iguaçu, nos últimos quatro anos. Segundo o órgão de segurança, um novo lote de dispositivos será destruído nesta quinta-feira (11).

A Receita Federal possui um programa de reciclagem feito em parceria com a Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA). Assim, os aparelhos ilegais tem partes reaproveitadas.

As TV Box destruídas são modelos que não foram homologados pela AnatelAs TV Box destruídas são modelos que não foram homologados pela AnatelFonte:  Telesintese 

As TV Box apreendidas pela Receita Federal na fronteira com o Paraguai são dispositivos que não receberam homologação da ANATEL. Os produtos em questão são utilizados para fornecer acesso ilegal a canais de televisão por assinatura, utilizando tecnologias como IPTV.

Operações se intensificam

Segundo estimativas da ABTA, as TV Box piratas causam um prejuízo anual de R$ 9,5 bilhões. Por causa disso, a Receita Federal está intensificando as operações contra os produtos, que estão presentes em cerca de 4,5 milhões de lares brasileiros.

Além da operação na Alfândega, que vem sendo realizada desde 2016, a Receita Federal realizou grandes apreensões nos últimos meses. Entre setembro e outubro deste ano, mais de 300 mil dispositivos foram apreendidos no Pará, Rio de Janeiro e São Paulo.

Polícia Civil cumprindo mandado de busca e apreensão da Operação 404 em Ribeirão Preto, SP.Polícia Civil cumprindo mandado de busca e apreensão da Operação 404 em Ribeirão Preto, SP.Fonte:  G1/EPTV 

A justiça brasileira também intensificou o combate aos sites de distribuição de conteúdos ilegais na internet. A Polícia Civil realizou ações em 10 estados durante a Operação 404, que já bloqueou 252 sites e 65 aplicativos que distribuem filmes e séries protegidos por direitos autorais.

Receita Federal já apreendeu e destruiu 160 mil TV Box piratas