Produtos da Amazon estão 'pegando fogo', denunciam consumidores

2 min de leitura
Imagem de: Produtos da Amazon estão 'pegando fogo', denunciam consumidores
Imagem: CNN/Reprodução
Avatar do autor

Desde 2016, mais de 1,5 mil avaliações de produtos Amazon apontam que a encomenda aparenta ser perigosa. A marca AmazonBasics da companhia — que cobre a produção de eletrodomésticos, gadgets e periféricos dentro de uma lista de 5 mil produtos — tem entregado aparelhos que dão início a incêndios, danificam outros dispositivos ou apresentam perigo para os compradores.

As denúncias incluem aparelhos micro-ondas que soltam faíscas e fumaça quando ligados, cabos USB que entram em curto-circuito e iniciam incêndios e inúmeros outros exemplos. Produtos estes que ainda estão catalogados no site da varejista e não parecem ter passado por devida revisão após a reclamação de consumidores.

Apesar de reiterar e estabelecer políticas para assegurar a qualidade de produtos de vendedores parceiros, o mesmo parece não acontecer nos produtos AmazonBasics. Segundo os comentários relatados pela CNN Business, consumidores descrevem produtos com poucos dias de uso como “perigosos”, sejam por emitirem sons estranhos, faíscas, mal cheiro ou acidentes domésticos.

"Ele derreteu em mim! Altíssimo risco de incêndio, não posso acreditar que ainda está sendo vendido"."Ele derreteu em mim! Altíssimo risco de incêndio, não posso acreditar que ainda está sendo vendido".Fonte:  CNN/Reprodução 

Dos 30 itens com reclamações relacionadas aos acidentes, 21 produtos ainda estão disponíveis para compra. Assim que foram devidamente expostos pela CNN, a companhia começou a listá-los como “indisponíveis”, e pelo menos quatro deles foram totalmente removidos da loja.

Os incêndios

Em um curioso caso de janeiro de 2017, bombeiros receberam um chamado para controlar o incêndio e socorrer Austin Parra, na época com 20 anos de idade. Assim que as chamas foram controladas e o rapaz foi levado para o hospital, o chefe do corpo de bombeiros responsável pela investigação notou que o fogo partiu de uma cadeira de escritório comum e logo se espalhou pelo quarto do rapaz.

Cadeira do jovem Parra destruída pelas chamas e com resquícios do cabo USB AmazonBasics.Cadeira do jovem Parra destruída pelas chamas e com resquícios do cabo USB AmazonBasics.Fonte:  CNN/Reprodução 

Segundo a mãe de Parra, a cadeira dele foi tomada por fogo enquanto o rapaz dormia. Curiosamente, o chefe do corpo de bombeiros notou que um cabo USB passava pela cadeira até o celular, enquanto a parte conectada ao smartphone estava intacta, a outra ponta do cabo estava totalmente danificada e foi identificada como o foco do incêndio. O dispositivo era da AmazonBasics.

Em outro exemplo assustador está outro consumidor AmazonBasics que havia adquirido um carregador de celular para veículos. “Assim que conectei ao meu carro, houve uma pequena explosão e faíscas voaram para todo lado e logo começou a pegar fogo. Eu nunca tive problemas com coisas conectadas ao meu carro.”, descreve o comprador.

A maioria dos casos inclui relatos de consumidores dos Estados Unidos. A lista completa de aparelhos com três ou mais análises que mencionam chamas ou outros perigos pode ser encontrada logo no fim do artigo original da CNN Business.

Produtos da Amazon estão 'pegando fogo', denunciam consumidores