Limpando o seu PC: não é tão difícil quanto parece

3 min de leitura
Imagem de: Limpando o seu PC: não é tão difícil quanto parece
Avatar do autor

Ao ligar seu computador, pode ser que, em determinado momento, você perceba que ela está mais lento do que deveria. Mesmo que ele possua um SSD e um processador bons, assim como uma placa gráfica potente e memórias Optane, ainda assim, apresenta engasgos. Não tem ideia do que está acontecendo? É possível que seu equipamento esteja sujo. Então, está na hora de uma boa limpeza – e ela deve ser completa.

Isso é mais simples do que pode parecer em um primeiro momento, mas alguns cuidados são necessários na hora de dar aquele trato no dispositivo. Imagine a quantidade de poeira tirada de sua escrivaninha toda semana e a multiplique pelo que podem ser meses ou até anos em um ambiente fechado como um gabinete.

Siga nosso passo a passo e use sua máscara para se proteger dos resíduos. Não queremos ninguém com ataque de rinite.

sujeiraPara toda sujeira, dá-se um jeito. (Fonte: PC Gamer/Reprodução)

Por onde começar?

Acha que só o interior dele necessita de "uma olhada"? De jeito nenhum. Monitores, teclados, mouses, cabos e mesmo a parte externa do gabinete precisam de atenção. Com o mouse é mais fácil: retire as peças removíveis e, delicadamente, use um palito de dente para retirar resíduos das partes mais escondidas. Passe um pano úmido sobre ele.

mouseRemover as partes móveis ajuda na limpeza. (Fonte: Insider/Reprodução)

Para o teclado, cai bem a ajuda de um ar comprimido após leves batidas, assim como um pincel, com tudo devidamente desconectado e sobre um jornal para evitar que todo farelo de pão e cílio exija uma limpeza adicional do chão. Um pouco de álcool isopropílico, umedecendo um cotonete, ajuda a desinfetar as bordas das teclas. Caso se sinta seguro, é possível retirá-las e passar um pano úmido em suas superfícies. 

teclasLimpe bem os espaços entre as teclas, mas com cuidado. (Fonte: Medium/Reprodução)

Vamos aos cabos. Basta passar um pano úmido (olha ele de novo!) e não se esquecer de secar muito bem as partes metálicas. Já o monitor demanda cautela. Na display, prefira pano seco e, se isso não der conta, umedeça-o levemente com água destilada. Nas bordas, pano úmido.

O mesmo vale para notebooks, com o adicional de que, nesses equipamentos, é preciso dar uma atenção especial às entradas e saídas de ar, aqueles "risquinhos" que normalmente estão presentes nas laterais e abaixo dos dispositivos – sempre com muito cuidado e, o mais importante neste caso, sem o uso de líquido algum. Não tente retirar suas teclas. Não é uma boa ideia.

Para evitar acidentes, remova a bateria antes do procedimento, se possível. Assim, seu companheiro de trabalho certamente estará desligado.

panos secosDê preferência a panos secos. (Fonte: AF International/Reprodução)

Agora é que são elas

Por fim, o mais assustador: a parte interna do gabinete. Toque no chão antes de encostar em componentes para descarregar energia estática. Toda vez. Remova os parafusos na parte de trás do gabinete com uma chave Philips, retire a tampa lateral, use um pincel para varrer toda a sujeira acumulada e, se souber, vale tentar desmontar a máquina. 

Com um pincel, retire a poeira presente na ventoinha do processador e, depois, limpe os cabos com um pano úmido. Estando tudo nos conformes, está na hora de finalizar o processo e, certificando-se de que está tudo seco e montado adequadamente, religue o equipamento.

Quanto a notebooks, fique esperto. Evite abri-los a menos que você realmente entenda do assunto. Higienizá-lo externamente já é o suficiente, mas, caso realmente ache necessária a limpeza interna, procure um técnico de sua confiança.

calmaMuita calma nessa hora! (Fonte: Panda Security/Reprodução)

Pronto!

Mesmo que você não sinta o cheirinho da limpeza, agora sim você está preparado para saber como deixar seu cantinho de trabalho ou estudo limpo e do jeito que você precisa para conseguir focar na qualidade daquilo que você faz.

Limpando o seu PC: não é tão difícil quanto parece