Apple Glasses: patente detalha óculos de realidade mista da Maçã

1 min de leitura
Imagem de: Apple Glasses: patente detalha óculos de realidade mista da Maçã
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

O Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos (USPTO) revelou o que podem ser os "Google Glass" da Apple. Os Apple Glasses, suposto nome dos óculos de realidade mista da Maçã, tiveram alguns detalhes, como método de recarga de bateria e sensores auxiliares, revelados em registros de patente.

Nos documentos, os dispositivos de realidade mista são descritos apenas como um "Sistema de Display". Nos desenhos, destaca-se a presença de bobinas distribuídas por todo o corpo do aparelho, cuja presença pode ser justificada para viabilizar recargas sem fio.

O corpo rígido do óculos se estende até as orelhas. (Fonte: PhoneArena/Reprodução)O corpo rígido do óculos se estende até as orelhas. (Fonte: PhoneArena/Reprodução)Fonte:  PhoneArena 

Com o sistema de energia, a patente destaca um esquema de ajuste para encaixe na cabeça. Intitulado  "Dispositivo eletrônico com estruturas de suporte ajustáveis", o mecanismo define a testa e a região lateral do rosto como principais pontos de apoio para os óculos. Já na parte de trás, a estrutura teria elásticos para permitir ajustes da haste que envolve a cabeça.

Por fim, outra patente descreve um sistema de sensores auxiliares que trabalham com transmissão de pulsos sonoros inaudíveis. Com o Ultimate Sensor, como é chamado, seria possível identificar ecos de objetos próximos, acrescentá-los às apresentações de realidade aumentada e evitar acidentes quando o usuário estiver em uma sessão de uso.

(Fonte: PhoneArena/Reprodução)(Fonte: PhoneArena/Reprodução)Fonte:  PhoneArena 

Tim Cook, um grande fã de realidade mista

Sabe-se que Tim Cook, CEO da Apple, adora AR, mas a Apple nunca anunciou um dispositivo dedicado à tecnologia. "Considero isso [a realidade aumentada] uma grande ideia, assim como smartphones. O smartphone é para todos, nós não pensamos que o iPhone é para um público, país ou mercado específico: é para todos. Penso em realidade aumentada como algo grande, é ótimo. Fico empolgado porque é uma das coisas que pode melhorar a vida de várias pessoas — e ser interessante", descreveu o CEO em 2017.

Códigos inseridos no iOS 13 revelaram que o futuro headset é conhecido como Garta nos escritórios da Apple. Em outros vazamentos, os óculos acompanhariam um sistema operacional próprio, o Reality Operating System (rOS), e um app chamado STARTester seria responsável por replicar a tela do iPhone direto nas lentes.

Por se tratar de registros de patente, não há previsão para o lançamento dos óculos de realidade aumentada da Apple. Contudo, espera-se que os anúncios sejam feitos nos próximos 2 anos.

Apple Glasses: patente detalha óculos de realidade mista da Maçã