Moto 360 volta ao mercado, mas não pela Motorola

1 min de leitura
Imagem de: Moto 360 volta ao mercado, mas não pela Motorola
Avatar do autor

Em 2016, a Lenovo (para tristeza dos fãs) descontinuou a linha de smartwatchs da Motorola. O último foi o de segunda geração do Moto 360, lançado em 2015 em duas versões. Primeiro smartwatch com tela redonda e sensível ao toque, ele volta ao mercado, mas não pelas mãos de quem o criou e sim, através da eBuyNow, empresa que licenciou a marca.

Serão três os modelos da terceira geração do Moto 360, chamados de Steel Grey (acabamento em prata), Rose Gold (ouro rosa) e Phantom Black (aço inoxidável preto).

As três versões do novo Moto 360 chegarão ao mercado em dezembro. (Fonte: Moto 360/Divulgação)

Smartwatch mais desejado do mercado, a linha mantém a tela circular, com 1,2 polegadas, 360 x 360 e display OLED (com a opção de mantê-la sempre ativa), 52g, corpo de 42mm e pulseiras de 20mm. O smartwatch traz dois botões: o superior permite que você percorra a interface com um toque (como acontece com as coroas rotativas nos modelos Fossil ou no Apple Watch). O botão inferior pode ser personalizado para iniciar um aplicativo à escolha do usuário.

Smartwatch com duas pulseiras na caixa

A bateria de 355 mAh do Moto 360 consegue, segundo garante a eBuyNow, carregar plenamente o smartwatch em apenas sessenta minutos, o que é consideravelmente mais rápido do que acontece com a maioria dos relógios inteligentes.

Nas especificações, destaque para o chipset Qualcomm Snapdragon Wear 3100, que alimenta 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento (o que o põe na mira do concorrente Fossil Gen 5, que também roda o Wear OS). O conjunto é sustentado por uma bateria 355mAH. O smartwatch ainda tem WiFi/Bluetooth e suporta GPS e NFC para pagamentos móveis ( algo que os modelos da segunda geração não tinham). O usuário terá duas pulseiras a escolher (ambas incluídas): uma de couro e outra de borracha.

O smartwatch Moto 360 deve ser lançado em dezembro ao preço estimado de US$ 349 (cerca de R$ 1.400).

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Moto 360 volta ao mercado, mas não pela Motorola