Samsung anuncia o Exynos 990, chip que pode vir no Galaxy S11

1 min de leitura
Imagem de: Samsung anuncia o Exynos 990, chip que pode vir no Galaxy S11
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Cerca de um mês após apresentar o processador Exynos 980, a Samsung revelou um novo system-on-chip (SoC) para dispositivos de alto desempenho, o Exynos 990. Diferente do outro chipset da fabricante sul-coreana, o produto não conta com um modem 5G integrado, mas promete entregar mais desempenho e eficiência graças ao uso do novo processo de fabricação em 7 nanômetros, bem como outros aprimoramentos na parte de hardware.

O Exynos 990 é um chipset octa-core com dois Cortex-A76, quatro Cortex-A55s e mais dois núcleos customizados da Samsung. Em comparação ao modelo anterior, a empresa também atualizou a GPU do novo SoC, que traz uma Mali-G77 que oferece cerca de 20% mais desempenho em aplicações gráficas e autonomia.

Novo Exynos aguenta até seis câmeras. Será que teremos tudo isso no S11? (Fonte: Samsung/Divulgação)

Seguindo os passos do Exynos 980, o produto também conta com uma rede neural de dois núcleos capaz de realizar 10 trilhões de operações por segundo. O componente também vem com um chip de imagem que suporta resoluções de até 108 MP, dando conta do ISOCELL Bright HMX, e consegue trabalhar com até seis sensores ao mesmo tempo, além de processar simultaneamente dados capturados por até três câmeras.

O SoC que pode aparecer em smartphones como o Galaxy S11 também aguenta telas com taxa de atualização de até 120 Hz e traz suporte para gravação de vídeo em 8K em 30 quadros por segundo ou 4K (Ultra HD) em 120fps.

5G Exynos Modem 5123

Como o Exynos 990 não possui suporte para 5G nativo, a Samsung também apresentou um produto que vai aparecer com frequência ao lado do chipset, o 5G Exynos Modem 5123. Com isso, a empresa conseguirá equipar seus dispositivos 4G com um processador potente e também atender o crescente mercado com o novo padrão de conexão.

(Fonte: Samsung/Divulgação)

Assim como o novo SoC, o chip de conexão também é feito em 7 nm e conta com aprimoramentos em comparação à solução integrada presente no Exynos 980. O Exynos Modem 5123 suporta 5G de frequências abaixo de 6 GHz e também funciona com ondas milimétricas, alcançando velocidade de download de até 7,35 Gbps.

O novo par de chips começa a ser produzido até o fim do ano e deve aparecer nos smartphones de alto desempenho da fabricante sul-coreana em 2020, como é o caso do Galaxy S11. Confira mais informações sobre as tecnologias no site da Samsung.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Samsung anuncia o Exynos 990, chip que pode vir no Galaxy S11