Drones do MIT alternam formas de voo e prometem ser mais acessíveis

1 min de leitura
Imagem de: Drones do MIT alternam formas de voo e prometem ser mais acessíveis
Avatar do autor

Pesquisadores do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos Estados Unidos, estão desenvolvendo um drone que possui a capacidade de alternar entre planar e pairar. Atualmente, no mercado, existem dois tipos de drone: um que desliza no ar como um avião e outro com design de quadcóptero, que consegue pairar, graças aos seus rotores.

Pesquisadores acreditam que conseguirão criar drones versáteis e mais acessíveis

Segundo o estudante Jie Xu, o método que está sendo criado “permite que não especialistas projetem um modelo, esperem algumas horas para alternar seu controlador e saiam com um drone personalizado e pronto para voar”. Xu completa ainda que “a esperança é de que uma plataforma como essa possa criar mais 'drones híbridos', mais versáteis e muito mais acessíveis a todos”.

Esse conceito de drone híbrido, que consegue pairar e planar, alternadamente, não é uma novidade. Entretanto, o desafio do modelo atual é que ele exige controladores separados, para modos diferentes. A equipe do MIT conseguiu superar esse desafio, usando redes neurais para alternar automaticamente o controlador.

No entanto, ainda é cedo para se animar com a chegada desses modelos híbridos ao mercado. Para ser produzido e comercializado, ele enfrenta outros desafios, como a questão da aerodinâmica do projeto e a manobrabilidade, o que significa que esses drones não são capazes de fazer curvas fechadas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Drones do MIT alternam formas de voo e prometem ser mais acessíveis