Imagem de: Lenovo dispara no mercado global de PCs com 25% do mercado

Lenovo dispara no mercado global de PCs com 25% do mercado

1 min de leitura
Avatar do autor

O instituto de pesquisas Gartner apresentou o relatório preliminar de vendas do mercado global de computadores para o segundo trimestre de 2019. De acordo com a empresa, a indústria apresentou um leve aumento no mercado: 1,5% em comparação com o trimestre passado.

Ao todo, foram 63 milhões de unidades comercializadas, número impulsionado por um aumento de demanda do Windows 10 no mercado corporativo e um certo aumento entre os desktops. Alguns problemas de estoque de CPUs da Intel também foram resolvidos, algo que havia impactado o estoque de pequenas e médias empresas anteriormente.

Por enquanto, a guerra comercial entre China e Estados Unidos não afetou o setor, mas as tarifas anunciadas pelo presidente Donald Trump já podem significar aumentos de preços — e menores vendas — no decorrer do ano.

As líderes

A Lenovo permanece com a medalha de ouro no setor, acumulando 25% do mercado e sendo responsável pela venda de 15,7 milhões de unidades. Logo atrás vem a HP, com 22,2% do mercado, e a Dell, com 16,9%. As três cresceram desde 2018, com destaque para a chinesa, que aumentou as vendas em 15,9%. Ela é apenas a terceira colocada nos EUA, mas é forte na terra natal e em outros mercados.

Completam o ranking a Apple (5,9%), Acer (5,4%) e ASUS (4,9%) — todas apresentando alguma queda em relação ao mesmo período de 2018. Outras companhias somadas chegan a 19,6%.

Os dados incluem desktops, notebooks e "ultramobiles", como o Microsoft Surface. O relatório completo pode ser encontrado aqui (em inglês).

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Lenovo dispara no mercado global de PCs com 25% do mercado