Imagem de: Samsung poderá fabricar processadores Rocket Lake da Intel

Samsung poderá fabricar processadores Rocket Lake da Intel

1 min de leitura
Avatar do autor

A Intel pode ter tomado uma decisão não muito comum para a empresa: terceirizar parte da sua produção. De acordo com alguns rumores levantados pela imprensa sul-coreana, as dificuldades na produção de processadores pode ser o principal fator para motivar uma parceria. E a escolhida para fechar o acordo deverá ser a Samsung.

A empresa sul-coreana ficaria responsável pelo processador com microarquitetura Rocket Lake, de 14 nm. A produção deve ter início apenas no fim do próximo ano, com o produto chegando ao mercado em 2021. De acordo com uma fonte, as negociações já estariam em fase final.

Momento oportuno

O acordo parece vir em um momento oportuno para as duas empresas. Enquanto a Intel lida com a baixa oferta de CPU desde o segundo semestre de 2018, a Samsung vem sofrendo com uma baixa demanda no mercado de processadores. A sul-coreana também estaria em negociação com a Qualcomm para produzir o Snapdragon 865 e tentar aliviar um pouco o atual momento.

A Intel está investindo na produção de processadores de 10 nm, porém essa linha levará algum tempo para substituir os dispositivos de 14 nm. A empresa deverá aproveitar a produção da Samsung para não deixar de disponibilizar as versões maiores enquanto trabalha para aumentar gradativamente a demanda dos modelos de 10 nm.

Até o momento, nenhuma das duas empresas confirmou ou desmentiu o possível acordo.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Samsung poderá fabricar processadores Rocket Lake da Intel