Mozilla Firefox pode ganhar versão paga com 'serviços premium'

1 min de leitura
Imagem de: Mozilla Firefox pode ganhar versão paga com 'serviços premium'
Fonte: Pixabay
Avatar do autor

Em entrevista à revista alemã t3n, o CEO da Mozilla, Chris Beard, afirmou que tem planos de oferecer serviços premium e de assinatura para o navegador Firefox, o que inclui soluções de armazenamento seguro e serviço de VPN. O executivo ressaltou que nada do que é oferecido gratuitamente hoje pelo Firefox deverá ser cobrado futuramente.

Um exemplo dado por Beard do que poderia fazer parte da versão paga do navegador é a comercialização de VPN. O usuário poderia obter "certa quantidade de banda larga via VPN gratuita e, em seguida, teria acesso a um nível premium por meio de assinatura mensal", explicou o CEO.

Monetização

Ainda à revista alemã, Beard afirmou que 90% das receitas da Mozilla são provenientes dos mecanismos de pesquisa e que quer construir relações mais profundas com os seus utilizadores, sem depender tanto das buscas. "Queremos adicionar mais serviços de assinatura ao nosso mix e focar mais o relacionamento com o usuário para nos tornarmos mais resilientes em questões de negócios", enfatizou.

Procurado pelo portal Cnet para confirmar as afirmações do CEO, o porta-voz da Mozilla anunciou que ainda estão sendo feitos estudos sobre o melhor modelo de monetização do negócio. "Provavelmente, lançaremos alguns novos serviços primeiro e depois pensaremos cuidadosamente sobre qual modelo faz mais sentido, garantindo a melhor segurança ao usuário", falou.

Não existe previsão para o modelo premium do Firefox entrar no mercado.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Mozilla Firefox pode ganhar versão paga com 'serviços premium'