Samsung anunciou um novo sensor para câmeras de dispositivos móveis, como smartphones, que promete uma resolução de 64 MP e retratos nas melhores condições possíveis. O ISOCELL Bright GW1 foi revelado junto a outro modelo de nova geração, o ISOCELL Bright GM2, de 48 MP. Os sensores atuais da família de 0,8 μm (micrômetros) só chegam a 20 MP.

O GW1 utiliza uma série de tecnologias de melhoramento de imagem, como a Tetracell, que junta 4 pixels em 1, e um conjunto de algoritmos. Ele também promete fotos perfeitas em baixa condição de luminosidade, porém diminuindo a resolução para 16 MP.

O sensor traz suporte para HDR com melhor nível de contraste e o mais próximo possível da capacidade do olho humano: chega a 100 decibéis (dB), o que garante melhor tonalidade. Para se ter uma ideia, sensores convencionais chegam a 60 dB, enquanto o olho humano atinge algo em torno de 120 dB.

(Fonte: Samsung/Divulgação)

A captura de vídeo em HD a até 480 fps também está confirmada, assim como autofoco de alto desempenho e conversão de luz em sinais elétricos para aproveitar ambientes mais claros. Já o GM2 é um pouco menos potente em termos de quantidade de pixels, mas aproveita praticamente as mesmas tecnologias do outro modelo.

ISOCELL Bright GW1 e GM2 estão em fase final de amostragem e devem ser produzidos em massa no segundo semestre de 2019, provavelmente para fazer parte de aparelhos top de linha de 2020, como o Galaxy S11.